Agreste

Jovem é suspeito de matar a mãe a facadas em Gravatá


Mulher de 48 anos tinha um filho de 19 anos, que pode ter esfaqueado a mãe

Priscila Miranda
Priscila Miranda
Publicado em 09/03/2020 às 8:37
Acervo/JC Imagem
FOTO: Acervo/JC Imagem
Leitura:

Uma manicure de 48 anos foi assassinada a facadas na cidade de Gravatá, no Agreste do Estado. De acordo com informações repassadas pela polícia, o suspeito de ter cometido o crime foi o filho da vítima, de 19 anos. O crime aconteceu no sábado (7).

Segundo a polícia, o homem quando avistou a viatura da PM, foi até os policiais, todo ensanguentado, informando que uma pessoa não identificada havia cometido o crime.

Porém, a versão foi logo desmentida pela polícia. A amiga da vítima, Vânia Gomes, explica que não existia casos de violência entre filho e mãe. “Era uma pessoa muito boa e filho dela também era superlegal com ela. A última vez que eu vi ela foi semana passada.”

O suspeito também estava ferido com um corte no pescoço e foi socorrido pelo Samu para o Hospital de Gravatá e depois levado para o Hospital da Restauração, no Recife, onde permanece custodiado. O corpo da mulher foi liberado neste domingo do IML Caruaru.

Confira a reportagem de Berg Santos:


Mais Lidas