CNJ

TJPE participa de ação para acelerar processos que envolvem violência doméstica


A Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa tem o foco de conscientizar sobre violência doméstica e agilizar processos

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 10/03/2020 às 16:48
 Foto: Pixabay
FOTO: Foto: Pixabay
Leitura:

Uma ação que reúne todos os Tribunais de Justiça do Brasil para acelerar a conclusão dos processos que envolvem violência contra às mulheres. Essa é a proposta da 16ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A iniciativa consiste em levar várias ações sobre o tema para espaços públicos. Para marcar a programação especial que envolve a semana, três pontos de estações do metrô na Região Metropolitana do Recife vão receber o serviço, nesta quarta-feira (11).

A coordenadora da Mulher no Estado, desembargadora Daisy Andrade comenta a importância da ação. “Os magistrados e magistradas marcam mais audiências naquela semana, concentram um esforço maior de realização de audiências, análises dos processos, prolação de decisões, concessões de medidas protetivas. Enfim, tudo que envolve a temática de violência contra a mulher”, disse.

O projeto foi pensado como forma de aproximar o poder judiciário da população. “Uma ação que a gente iniciou no ano passado, em agosto, que é Dialogando sobre a Lei Maria da Penha nos Espaços Público”, comentou a desembargadora.

Durante a roda de diálogo vão ser abordados temas como relacionamento abusivo, formas de violência doméstica e familiar contra a mulher.

Programação

A programação da 16ª Semana Nacional da Justiça Pela Paz Em Casa, nesta quarta-feira, ocorre em três pontos do recife e região metropolitana. Na Estação Central do Metrô do Recife, o serviço ocorre entre 8h e às 14h. Já na estação do Metrô de Cajueiro Seco, o serviço vai estar disponível entre 8h e às 12h. No Terminal Rodoviário do Cabo de Santo Agostinho, o serviço será oferecido entre 8h e às 12h.


Mais Lidas