Crime

Defensor público paraibano é morto a tiros em Pernambuco

O crime ocorreu no momento em que o defensor público aposentado chegava ao condomínio onde a filha mora.

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 09/04/2020 às 20:09
Paulo Daniel/TV Jornal
FOTO: Paulo Daniel/TV Jornal
Leitura:

O defensor público aposentado da Paraíba, identificado como Levi Borges Lima, de 72 anos, foi morto a tiros dentro de um carro, nesta quinta-feira (09). De acordo com a polícia, o homem foi morto próximo a um condomínio, na Praia do Paiva, no Cabo de Santo Agostinho. Segundo informações repassadas à TV Jornal, ao perceber a abordagem, a vítima desceu do carro que estava e acabou sendo baleado .

Equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), e do Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local e iniciaram as análises. A vítima chegou a ser socorrida para a UPA de Barra de Jangada, em Jaboatão dos Guararapes, mas morreu no local.

Ainda segundo a polícia, a vítima morava na cidade de João Pessoa, na Paraíba. As imagens de câmeras de segurança podem ajudar a polícia nas investigações do crime.

Defensoria Pública da Paraíba lamentou morte

Em nota, a Defensoria Pública do Estado da Paraíba, onde Levi atuou por mais de 35 anos, lamentou a morte.

Veja a nota na íntegra:

A Defensoria Pública do Estado da Paraíba lamenta profundamente o trágico falecimento do defensor público aposentado e professor de direto Dr. Levi Borges de Lima, de 72 anos, morto a tiros em um condomínio na Praia do Paiva, no municipal de Cabo de Santo Agostinho, na Grande Recife. Levi foi vítima de um assalto na tarde desta quinta-feira (9), na frente do condomínio onde sua filha mora.

Defensor público por mais de 35 anos, Levi ingressou na Instituição ainda como advogado de ofício e atuou por muitos anos na comarca de Santa Rita. Também foi vereador nos anos 1970, professor universitário do curso de Direito e presidiu o extinto Sindicato dos Defensores Públicos do Estado da Paraíba. Ele estava aposentado do cargo de defensor público desde o final do ano.

Mais Lidas