Ovos de Páscoa: queda nas vendas deve gerar prejuízo de R$738 milhões

Devido à pandemia causada pelo novo coronavírus, o comércio no período de Páscoa foi bastante prejudicado.

COVID-19
Ovos de Páscoa: queda nas vendas deve gerar prejuízo de R$738 milhões

Perda pode representar R$ 738 milhões para setor de comércio - Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

No período de Páscoa, além da celebração cristã da semana Santa, é também o período do chocolate. Mas por conta da pandemia do novo coronavírus, a procura por ovos de páscoa diminiu bastante.

>>>Coronavírus: Venda de ovos de Páscoa é saída para fazer renda

É o que afirma uma pesquisa da Confederação Nacional de Bens, Serviços e Turismo. Segundo o estudo, as vendas da Páscoa devem cair cerca de 32% em relação ao ano passado, o que representaria uma perda de R$783 milhões no setor. 

Mesmo estando nas vésperas do feriado, e com varias promoções, o movimento em supermercados estava bem diferente dos anos anteriores.

Confira na reportagem

Isolamento social

Devido ao isolamento social, muitas pessoas estão desistindo de comprar ovos para dar de presentes. "Eu ia comprar um ovo para minha irmã, mas só vou vê-la depois da quarentena, quando não tem mais graça dar o presente", afirmou o consumidor Henrique Daltro.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.