SEGURANÇA

Grupo descumpre decreto estadual e é retirado de praia em Olinda

Grupo estava na Praia dos Milagres, em Olinda, quando foi retirado do local; decreto visa reduzir contato social e a propagação do coronavírus

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 13/04/2020 às 15:42
Reprodução/ Prefeitura de Olinda
FOTO: Reprodução/ Prefeitura de Olinda
Leitura:

A Guarda Municipal de Olinda retirou cerca de 40 pessoas da Praia dos Milagres, nesta segunda-feira (13). A ação foi realizada em cumprimento do Decreto Estadual 48.903, que foi editado no dia 6 de abril e proíbe o banho de mar neste momento de pandemia do novo coronavírus.

A cena inusitada foi registrada pela equipe da Prefeitura de Olinda. Segundo a Secretaria de Segurança Urbana, a abordagem aconteceu sem problemas. Os banhistas não ofereceram resistência e retiraram-se do local.

A orla de Olinda tem 9 km e a fiscalização tem sido realizada diariamente para orientar a população sobre a legislação.

Decreto

No dia 6 de abril, o governo do estado decidiu estender o fechamento de praias, parques e praças, iniciado no dia 3 de abril, até esta segunda-feira (13/04). A medida visa reduzir o contato social e a velocidade de contágio do coronavírus (Covid-19).

O Ministério Público de Pernambuco já recomendou ao Governo de Pernambuco e à Prefeitura do Recife o fechamento dos parques, praças e praias, inclusive calçadões, por, pelo menos, 30 dias. A decisão é baseada nas projeções feitas pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) que prevê um aumento preocupante dos casos da covid-19 entre o final de abril e o início de maio.

Mais Lidas