SAUDADE

Jornalista Natuza Nery, que viralizou expressão “alma sebosa”, fala de sua relação com o Recife


A jornalista morou em Pernambuco durante a infância e em parte da adolescência e viralizou na internet neste mês ao falar o termo “alma sebosa” em vídeo

Publicado em 14/05/2020 às 9:34
Reprodução/Instagram
FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Em entrevista à Rádio Jornal nesta quinta-feira (14), a jornalista Natuza Nery, da Globo News, falou da sua relação de afeto com o Recife. Ela disse que cresceu na capital pernambucana e destacou o orgulho das manifestações culturais e da alegria do povo recifense.

“Eu morei em Boa Viagem, no Janga, em Olinda... Mas o que mais sinto saudade é a alegria. Os dois momentos que vivi em Recife foram um dos momentos culturais mais ricos para minha formação. Não me lembro de ter vivido um momento tão bom quanto o que eu vivi em Recife. Toda semana ia no Teatro Santa Isabel, ia ver o maracatu, o frevo, o caboclinho. Tudo isso foi importante para formar o meu caráter”, afirmou.

Apesar de não ter nascido no Recife, a jornalista conta que veio morar na capital ainda muito nova, após a separação dos pais. “Fui para Recife aos dois anos de idade e fiquei até os 10 anos. Morava com minha mãe e minha tia, já que meus pais separaram quando eu tinha dois anos. Depois fiquei entre São Paulo e Recife, mas aos 15 anos, voltei e fiquei até os 18 anos. O último lugar que estudei no Recife foi no Colégio Contato. Passei minha infância lá e boa parte da minha adolescência. Tenho muitos amigos aí até hoje”, relatou.

Natuza ainda relatou que costumava vir com mais frequência à cidade na época que o ex-governador Eduardo Campos era vivo. “Conheço bem o Recife, costumo ir com alguma frequência. Ia mais à trabalho na época que Eduardo Campos era vivo, então tinha mais contato com a cidade em razão dele. Depois da sua morte, minha ida à trabalho diminuiu bastante”, disse.

Alma sebosa

No início do mês a jornalista comentou as agressões feitas por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro a enfermeiros. Natuza Nery usou a expressão recifense “alma sebosa” para caracterizar o ato irresponsável de pessoas de má índole. "Eu cresci com muito orgulho em Recife e lá tem uma expressão que cabe para essa senhora e esse senhor que agrediram os enfermeiros, se chama: alma sebosa, que é uma pessoa de má índole”, falou a jornalista na ocasião.

Na entrevista, Natuza afirmou em tom bem humorado que aprendeu a expressão durante os anos em que viveu na capital de Pernambuco. “Aprendi em Recife. É uma expressão definidora de quase todas as coisas. A gente não usa essa expressão aqui”, concluiu.

Veja o vídeo:

 

Ouça a entrevista de Natuza Nery na íntegra:


Mais Lidas