CONSÓRCIO

Grande Recife: saiba quais terminais de ônibus receberão aumento de veículos

Os passageiros só poderão embarcar nos ônibus se estiverem utilizando máscara

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 15/05/2020 às 16:02
Tião Siqueira/TV Jornal
FOTO: Tião Siqueira/TV Jornal
Leitura:

A partir da próxima segunda-feira (18), o Grande Recife Consórcio de Transporte irá ampliar a oferta de ônibus em 15 terminais por conta da quarentena nos municípios do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata, a partir deste sábado (16). Sem detalhar os números, o consórcio informou que o incremento dos veículos poderá aumentar em até 20% o número de viagens a depender do terminal.

O Terminais Integrados com ônibus extras são: Joana Bezerra, Tancredo Neves, Macaxeira, Caxangá, Aeroporto, Jaboatão, Barro, TIP, Cajueiro Seco, Xambá, PE-15, Camaragibe, Pelópidas Silveira, Igarassu e Cabo.

Segundo o decreto estadual, apenas profissionais dos serviços essenciais poderão utilizar os ônibus até o fim deste mês, com o uso obrigatório de máscaras e apresentação de documentos comprobatórios. A medida tem o objetivo de reduzir a proliferação do novo coronavírus na RMR. Além do trabalho de fiscalização, que será feito em conjunto com as empresas operadoras e a Secretaria de Defesa Social (SDS), o Grande Recife Consórcio de Transporte também ampliará a oferta de ônibus para evitar aglomerações.

Clique aqui para conferir a lista com os serviços essenciais.

O consórcio lembra ainda que os ônibus não poderão circular com o número de passageiros além de sua capacidade máxima, devendo haver embarque sentado. Na prática, isso significa que, a depender do layout do veículo, os ônibus só poderão circular com até 50 pessoas.

Uso de máscara

Os passageiros só poderão circular nos ônibus se estiverem utilizando máscara. Nos terminais integrados, fiscais do Grande Recife e policiais militares darão apoio aos operadores para o cumprimento do uso do acessório. Para dar mais visibilidade à determinação, estão sendo aplicados adesivos nos vidros dianteiros dos ônibus com a mensagem de embarque permitido somente com máscaras.

Caso o usuário do transporte retire a máscara durante a viagem, o motorista só dará continuidade quando todos estiverem usando o acessório. Se o usuário insistir no descumprimento da medida, o motorista interromperá a viagem e solicitará que o passageiro desembarque do veículo.

Se julgar necessário, o profissional poderá solicitar apoio aos agentes de segurança pública (policial militar, policial civil ou guarda municipal) nos pontos de bloqueio montados nas cinco cidades. Não encontrando o agente de segurança, o motorista deve acionar a Polícia Militar pelo número telefônico 190.

Mais Lidas