CONSUMIDOR

Reabertura do comércio tem filas em frente às lojas do centro do Recife


Governo do Estado liberou abertura de comércio templos religiosos nesta segunda-feira (22)

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 22/06/2020 às 16:58
Wellington Lima/ JC Imagem
FOTO: Wellington Lima/ JC Imagem
Leitura:

As lojas do comércio de varejo com mais de 200 m² em 100 dos 185 municípios pernambucanos reabriram as portas nesta segunda-feira (22). No centro do recife, pela manhã, teve até fila nas portas de algumas lojas. Mesmo com o protocolo de higiene e segurança, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) alerta para a importância dos clientes evitarem aglomerações.

Antes das 8h já tinha gente circulando no centro do Recife. Apesar das lojas ainda fechadas, a expectativa dos clientes para a reabertura depois de três meses de atividades suspensas já era grande.

O autônomo Eduardo José correu para comprar material de São João. “Comprar fita de cetim para fazer as confecções”, disse.
Na Rua das Calçadas, no bairro de São José, muitos funcionários só esperando o horário do início do expediente. Equipes da Polícia Militar e do Procon faziam a fiscalização. Às 9h, os primeiros comerciantes reabriram as portas. Na frente de cada uma das lojas os clientes esperaram na fila a vez para entrar, mas antes cada um higienizou as mãos e respeitou o distanciamento social.

Dentro do estabelecimento novas regras de funcionamento. Funcionários só com máscaras e protetores e itens como cestas e carrinhos higienizados a cada uso. De acordo com os órgãos de saúde, a limpeza também precisa ser feita de hora em hora nas mesas, balcões, maçanetas, teclados e outros objetos.

De acordo com a CDL, todos os três mil lojistas do Grande Recife estão preparados para a volta. Mesmo com todo protocolo de segurança, é indispensável que os clientes evitem aglomerações neste momento, como detalha o diretor da CDL Recife, Fred Leal. “O nosso grande trabalho é conscientizar o consumidor. Essas filas para entrar nas lojas têm que ter calma. Dentro, não pode ter aglomeração. O próprio vendedor não pode se aproximar muito do consumidor”, disse.

Templos religiosos

Os templos religiosos também podem abrir nesta segunda-feira (22). Apesar da liberação para reabertura das atividades, a Arquidiocese de Olinda e Recife optou por manter as portas fechadas ainda esta semana e só deve voltar a receber os fiéis nas igrejas e nos templos a partir do próximo sábado (27).

Já a retomada das atividades evangélicas vai acontecer de forma individual seguindo as recomendações de cada convenção.
Em todas as celebrações religiosas deve ser respeitado o limite de 30% da capacidade do local, os templos também devem oferecer materiais de limpeza e o intervalo entre uma cerimônia e outra precisa ser de três horas.


Mais Lidas