incidente

Capitania dos Portos apura causa de explosão em lancha que deixou 5 feridos em Maria Farinha


Sete pessoas estavam na lancha no momento da explosão; cinco pessoas ficaram feridas

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 31/08/2020 às 13:47
Reprodução/ Internet
FOTO: Reprodução/ Internet
Leitura:

Por meio de nota, a Capitania dos Portos de Pernambuco (CPPE) informou, nesta segunda-feira (31), que um inquérito foi aberto para apurar as causas de uma explosão que atingiu uma lancha na praia de Maria Farinha, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, neste domingo (30). Sete pessoas estavam na embarcação no momento do incidente e cinco delas ficaram feridas.

Veja a nota

A Marinha do Brasil (MB), por intermédio da Capitania dos Portos de Pernambuco (CPPE), informa que tomou conhecimento, na tarde deste domingo (30), da explosão da lancha "SI PATRON", na praia de Maria Farinha, no município de Paulista-PE. De imediato, uma equipe de Inspeção Naval da CPPE foi direcionada ao local e verificou que sete pessoas se encontravam na embarcação no momento do acidente. Todas foram encaminhadas ao hospital e não correm risco de morte. Um inquérito foi aberto para apurar as causas, circunstâncias e responsabilidades do ocorrido. Concluído o inquérito e cumpridas as formalidades legais, o mesmo será encaminhado ao Tribunal Marítimo, que fará a devida distribuição e autuação, o qual dará vista à Procuradoria Especial da Marinha para que adote as medidas previstas no Art. 42 da Lei nº 2.180/54.

Entenda o caso

Uma explosão dentro de uma lancha, neste domingo (30), por volta das 13h30, deixou cinco pessoas feridas. O barco estava próximo a um posto de combustíveis MF Marina Clube, que funciona dentro da marina, às margens do Rio Timbó, em Maria Farinha.

Cinco viaturas do Corpo de Bombeiros, sendo uma delas de combate a incêndio, foram enviadas aqui para o local. Uma ambulância do Samu também teve que ser acionada. Uma das vítimas foi socorrida pelo Samu sem sentir as pernas para o Hospital da Restauração. A idade dela não foi revelada.

O Corpo de Bombeiros socorreu 4 pessoas para o mesmo hospital. Duas mulheres de 40 e 56 anos e dois homens de 54 e 56 anos.

Um dos homens teve lesões simples e deu entrada orientado. Já as três mulheres que estavam na lancha estão em estado grave. Duas delas têm 40% do corpo queimados. A terceira mulher tem uma lesão grave na coluna. De acordo com o Hospital da Restauração, ela não mexe os braços e nem as pernas.

Nota da MF Marina Clube

A MF Marina Clube informa que segue colaborando com todo o processo investigativo das autoridades para solucionar o que provocou um incidente que deixou cinco pessoas feridas em uma lancha, no início da tarde deste domingo (30).

A embarcação, que não pertence ao quadro de sócios da MF, parou no posto de combustível da marina, por volta das 13h30, para abastecer. Em seguida, começou um princípio de incêndio na embarcação, que logo foi contornado pelos frentistas do posto.

A MF Marina Clube esclarece que, ao contrário do que tem circulado pelas redes sociais, o incidente não foi acarretado pelo abastecimento de combustível na embarcação. A própria Marinha do Brasil, a partir da Capitania dos Portos, em análise preliminar, alegou que o incidente não tem relação com o abastecimento e que os dois tanques de combustível da embarcação e seus componentes estão intactos. A inspeção da Capitania sequer lacrou a bomba de combustível do posto da marina, porque não foi identificado nenhuma irregularidade no local.

A empresa foi solidária com as vítimas e prestou atendimento rápido aos presentes, deslocando as pessoas para a parte interna da marina assim que o incidente aconteceu.

A MF Marina Clube tem total interesse em saber o que ocasionou o incidente e está à disposição das autoridades para prestar quaisquer esclarecimentos que porventura se façam necessários.

Paulista, 31 de agosto de 2020.

MF Marina Clube


Mais Lidas