Taxista passa mal e morre após sofrer assalto em Camaragibe

Manoel José do Nascimento tinha 69 anos e estava trabalhando quando foi abordado por três homens

CRIME
Taxista passa mal e morre após sofrer assalto em Camaragibe

O filho do taxista foi ao Instituto de Medicina Legal (IML) para liberar o corpo do pai. - Foto: Tião Siqueira/JC Imagem

A polícia investiga a morte do taxista Manoel José do Nascimento, de 69 anos, morto após ter sofrido um assalto enquanto trabalhava na manhã do último sábado (29). O idoso tinha pego uma corrida da cidade do Recife para Camaragibe, junto com a família, quando foi abordado por três homens.

Imagens registradas pelas câmeras de segurança da Rua Lourenço Fernandes, no bairro Celeiro das Alegrias Futuras, em Camaragibe, mostram os suspeitos passando em alta velocidade dirigindo o carro da vítima.

No Instituto de Medicina Legal (IML), o filho do taxista, Edson Manuel, falou, que devido ao susto, o pai passou mal na calçada onde foi deixado pelos assaltantes. Ele tinha problemas respiratórios. Manuel foi socorrido por moradores da área para um hospital da cidade, mas não resistiu e já chegou a unidade de saúde sem vida.

“Levaram o carro, e ele saiu atrás do carro, gritando ‘pega ladrão’. Ele não aguentou e veio a falecer. Socorreram ele, mas, quando ele chegou lá, já era tarde já. Ele tem problemas de cansaço, asma”, afirmou.

A filha da vítima, Edna Maria, relatou que não queria que o pai tivesse ido trabalhar naquele dia.

“Eu quero justiça porque eu estava tomando conta do meu pai. Eu disse ‘painho, não precisa o senhor trabalhar, fica em casa que eu fico com o senhor dentro de casa’”, contou.

O carro e o celular da vítima ainda não foram encontrados. Os suspeitos também não foram identificados.

Assassinatos em Pernambuco

No último final de semana, foram registrados 23 assassinatos em Pernambuco. Deste total, 12 ocorreram no interior e 11 na Região Metropolitana do Recife.

Este ano, desde o dia 1º de janeiro até agora, já foram notificados 2.368 assassinatos no estado, sendo 1.316 no interior e 1.052 no Grande Recife.

Ouça a reportagem de Chinthia Ferreira: 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.