Pesquisa da UFPE avaliará disfunção respiratória em pacientes curados da covid-19

Mesmo recuperados da covid-19 pacientes têm apresentado sequelas

RECUPERADOS
Pesquisa da UFPE avaliará disfunção respiratória em pacientes curados da covid-19

Os pacientes serão monitorados por seis meses e as avaliações ocorrerão mensalmente, de forma gratuita - Foto: Ascom UFPE

Muito tem se discutido pela comunidade médica e científica sobre as consequências do novo coronavírus nas pessoas. Um estudo realizado por pesquisadores do Departamento de Fisioterapia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) vai monitorar a presença de alterações nas condições respiratórias, além de outros fatores clínicos em quem já teve a covid-19. A pesquisa “Avaliação da função pulmonar, capacidade funcional máxima e qualidade de vida em indivíduos após acometimento pela Covid-19: Um estudo transversal” convoca voluntários para participar da pesquisa. 

Para a realização desse monitoramento, os pesquisadores estão convocando voluntários. A professora e pesquisadora envolvida no estudo, Shirley Lima Campos, explica os aspectos que a pesquisa irá analisara. “Nós estamos observando que após a doença esses pacientes continuam com algumas disfunções, tanto do ponto de vista respiratório como do ponto de vista motor (...) Eles vãos ser monitorados em relação à função pulmonar e a sua própria qualidade de vida após a covid-19”, disse.

Como participar 

Para participar, é preciso estar curado, com o PCR negativo e o IGG positivo. Ou seja, a resposta imune ao novo coronavírus presente. Os voluntários podem entrar em contato com os pesquisadores a partir do Whatsapp (81) 98292.6804 e depois passarão por uma triagem. “Nós vamos estudar indivíduos de ambos os sexos, maiores de 18 anos até 80 anos, que estejam curados da covid e que ainda apresentem sintomas como cansaço, fadiga ou fraqueza muscular (...) Eles vão ser monitorados durante seis meses, com uma avaliação mensal. Aqueles pacientes que têm um grau maior de disfunção eles poderão ser reconduzidos para acompanhamento, tratamento voltado para o condicionamento respiratório e muscular”, disse.

A avaliação será feita de forma gratuita no Departamento de Fisioterapia da UFPE, na Cidade Universitária, no bairro da Várzea, na Zona Oeste do Recife.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.