Novo golpe: criminosos utilizam e-mail falso da Caixa para roubar informações de computadores e celulares

O golpe é enviado pelo e-mail; entenda

GOLPE
Novo golpe: criminosos utilizam e-mail falso da Caixa para roubar informações de computadores e celulares

Giovani explicou que tudo que o usuário fizer depois do vírus estar instalado vai ser visto pelos bandidos. - Foto: Reprodução/TV Jornal Interior

A Polícia Federal alerta para um novo golpe. Agora, a fraude acontece por meio do e-mail como um suposto procedimento de segurança da Caixa Econômica Federal. A mensagem falsa enviada pelos criminosos informa que o banco estaria utilizando um procedimento devido o aumento de fraudes no mês passado.

O assessor da Polícia Federal, Giovani Santoro, alerta. “O desenrolar desse golpe é muito simples, o sistema é chamado de “pescaria”. As pessoas querem captar informações pessoas e financeiras das contas e utilizam o computador ou o celular. Quando as pessoas clicam nesse dispositivo de segurança enviado, um vírus espião se instala no aparelho e domina o teclado e a câmera”.

Giovani explicou que tudo que o usuário fizer depois do vírus estar instalado vai ser visto pelos bandidos.

“Tudo que a pessoa digitar, como senha ou número de contas bancárias, por exemplo, serão enviados para o e-mail dos criminosos”, disse.

O email é convincente, mas é preciso sempre ter desconfiança com mensagens desse tipo.

“Essa estratégia chama-se de engenharia social. É quando esses falsários usam de mecanismos para poder enganar as pessoas dizendo que é do banco, do Governo Federal ou de uma empresa que está oferecendo vantagem. É toda uma história que eles utilizam para poder enganar as pessoas”, alertou Giovani.

Quando for verdadeiro, Giovani afirma que os próprios aplicativos ou sites contém as informações, não há a necessidade de e-mails ou mensagens por redes sociais.

Caixa Econômica Federal

A Caixa Econômica se pronunciou sobre o caso e afirmou que não aborda ninguém por meio de e-mail, principalmente links.

Ouça a reportagem de Leonardo Vasconcelos: 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.