Recife tem alta de indicadores da covid-19 após semanas de quedas consecutivas

Levantamento feito pelo JC aponta crescimento de casos, óbitos e ocupação de leitos na capital pernambucana no mês de outubro

SAúDE
Recife tem alta de indicadores da covid-19 após semanas de quedas consecutivas

Houve um incremento 57,14% nos registros de síndrome respiratória aguda grave por covid-19 - Foto: Freepick

O Recife completa, neste mês de novembro, cerca de 240 dias de convivência com a covid-19. Neste período, há uma alta em indicadores como casos, óbitos e ocupação de leitos, que vinham em quedas consecutivas há semanas.

De acordo com o levantamento da jornalista Cinthya Leite, do Jornal do Commercio, em comparação com os dados de 14 dias anteriores, que compreende o feriadão de Nossa Senhora de Aparecida, há um aumento de 39,6% nos casos gerais confirmados.

Também houve um incremento 57,14% nos registros de síndrome respiratória aguda grave por covid-19 no mesmo período, saindo de 28 para 44. Ainda na capital, considerando as datas em que as mortes foram confirmadas no boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Recife, a alta foi de 30,7%. Com 13 óbitos, a semana 42 e 17 na semana 44. 

A jornalista alertou para outro detalhe: no último sábado (31), o boletim confirmou 10 novas mortes por covid-19, e todas ocorridas na segunda quinzena de outubro, entre os dias 18 e 28.  

Os indicadores do estado, quando se comparam as semanas 42 e 44, também revelam aumento.Os casos gerais do novo coronavírus saíram de 2925 para 3673, representando um incremento de 25,5%.

Ouça a reportagem de Elis Martins:

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.