Teste da covid-19: demora e longas filas no Centro de Convenções, neste domingo (8)

Para realizar o teste da covid-19 no Centro de Convenções não é preciso fazer agendamento

EXAME
Teste da covid-19: demora e longas filas no Centro de Convenções, neste domingo (8)

Não é preciso realizar agendamento para fazer o teste da covid-19 no Centro de Convenções - Foto: Fábio Costa/ JC Imagem

A procura pelo teste da covid-19 foi grande, neste domingo (8), no Centro de Convenções, em Olinda. Antes mesmo das 8h, a fila de carros já era longa em frente ao local, onde funciona um dos centros de testagens drive-thru. Veículos ocuparam uma faixa inteira da Avenida Professor Andrade Bezerra chegando até a Estrada de Belém. 

Leia também >> Saiba como fazer o teste da covid-19 no esquema drive-thru no Centro de Convenções, em Olinda

Covid-19: policlínica em Olinda registra aumento na procura por teste

Samu registra aumento de chamados de pessoas com problemas respiratórios no Recife

Após 51 dias de tendência de queda ou estabilidade, Pernambuco registra alta na média móvel de casos da covid-19

O exame é gratuito e não há necessidade de agendamento. Funciona de domingo a domingo, a partir das 8h, até ser atingida a capacidade diária de 400 exames do tipo RT-PCR. 

 

Paciência para realizar exame  

O consultor de vendas Danilo Amorim chegou por volta das 5h40, acompanhado da mãe, de 73 anos. “Eu vou fazer de novo para ver se já estou testando positivo, porque meu pai está com sintomas, testou positivo 15 dias atrás e aí vou fazer o reteste junto com minha mãe. Cheguei já tinha gente na fila. Sempre essa demora”, contou. 

Do lado dentro, mais fila e espera. O fonoaudiólogo Mannix de Azevedo Ferreira passou mais de quatro horas esperando até que conseguiu fazer o exame do tipo RT-PCR, sem precisar sair do carro. O fonoaudiólogo diz que tentou agendar o exame em outro ponto de coleta, mas iria demorar. “Desde às 5h30 que estou aqui esperando. Eu procurei o exame porque trabalho na área de saúde, com home care, atendendo pacientes, e aí quis fazer o teste para ter uma segurança maior, tanto para mim, quanto para meus pacientes. Eu tentei [agendar o teste] na Policlínica Valdemar de Oliveira e só tinha vaga para o dia 12 de novembro”, disse, contando que tentou fazer o agendamento na última quinta-feira (5). 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.