Golpe do Aluguel

Corretora de imóveis é suspeita de golpe com mais de 100 vítimas


A corretora suspeita de envolvimento com o golpe do aluguel oferecia hospedagens em grandes resorts, nas praias, por até metade do valor normal. 

Suzyanne Freitas
Suzyanne Freitas
Publicado em 07/01/2021 às 12:05
Day Santos/TV Jornal
FOTO: Day Santos/TV Jornal
Leitura:

Uma corretora de imóveis está sendo investigada pela polícia, suspeita de envolvimento com golpe do aluguel. De acordo com informações iniciais, ela oferecia hospedagens em grandes resorts, nas praias, por até metade do valor normal.

A promessa era feita por uma mulher de Olinda, no Grande Recife, que se apresentava como corretora.

>> Cresce número de golpes em vendas de pacotes e diárias para Réveillon

>> QR Code: confira cuidados importantes para evitar golpes

Os preços convidativos chamaram a atenção da empresária Monica Ribeiro, que resolveu testar o serviço, em setembro.

Vítimas

Em entrevista à TV Jornal, ela contou que, como tudo deu certo, resolveu comprar um pacote de Réveillon com dois bangalôs, em um resort em Muro Alto, no Ipojuca, no Litoral Sul do Estado, no valor de R$ 12 mil. No entanto, quando chegou na véspera do feriado, nada estava feito.

Outra vítima foi o despachante de trânsito, Flavio de Souza, que já prestou queixa na Delegacia de Rio Doce. Ele contou que pagou R$ 1.200 por um pacote, no feriado de 7 de setembro, mas não deu certo.

>> Auxílio emergencial: Governo envia SMS a beneficiários; veja motivo e como identificar golpe

Mais de 100 pessoas

Ao prestar queixa, as vítimas se deram conta da quantidade de pessoas que já caíram no golpe. Segundo elas, mais de 100, desde o ano passado, vêm amargando um grande prejuízo.

Casa da corretora

As vítimas, inclusive, já foram até a casa da família da suposta corretora, mas não conseguiram localizá-la.


Mais Lidas