POLÍCIA FEDERAL

Pedreiro é preso tentando pagar peixe com notas de R$ 200 falsas em Carpina

O pedreiro estava com cinco notas de R$ 200 falsas

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 27/01/2021 às 16:29
DIVULGAÇÃO/PF
FOTO: DIVULGAÇÃO/PF
Leitura:

Um pedreiro alagoano de 30 anos foi preso no mercado público da cidade de Carpina, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, tentando repassar notas de R$ 200 falsas para comerciantes.

Policiais militares foram acionados e o suspeito teria tentado se livrar das notas com a chegada da PM, segundo detalhou o chefe da comunicação da polícia federal em Pernambuco, Giovani Santoro.

>> PF apreende mais de R$ 16 mil notas falsas em 2020; saiba como reconhecer uma cédula verdadeira

>> Polícia realiza 1ª apreensão de notas de R$ 200 falsas em Pernambuco

>> Com homenagem ao lobo-guará, Banco Central apresenta cédula de R$ 200

>> Vira-lata caramelo vira estrela em publicidade do BC sobre cédula de R$ 200

Na sede da Polícia Federal, o suspeito confessou que comprou as 5 notas de R$ 200 na feira do troca da cidade de Arapiraca, em Alagoas, por R$ 40. Além de comprar peixe, ele pretendia comprar carne com o dinheiro falso.

A Polícia Federal orienta que os comerciantes tenham calma na hora de vender, para não serem lesados com esse tipo de golpe.

Liberado em audiência de custódia

O pedreiro foi autuado em flagrante por introduzir notas falsas no mercado. O pedreiro foi liberado na audiência de custódia e deve responder ao crime em liberdade. Se condenado, pode pegar de 3 a 12 anos de prisão.

Mais Lidas