PANDEMIA

Governo de Pernambuco vai instalar novo hospital de campanha no Recife

Segundo o Governo de Pernambuco, hospital de campanha será criado para atender a um possível crescimento no número de casos da covid-19

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 15/02/2021 às 15:26
Jailton Júnior/TV Jornal
FOTO: Jailton Júnior/TV Jornal
Leitura:

A Secretaria Estadual de Saúde publicou no Diário Oficial um aviso de licitação para contratar uma empresa que vai ser responsável pela instalação e montagem de um hospital de campanha localizado no bairro dos Coelhos, área central do Recife, para atender pacientes com covid-19.

O teto previsto no pregão eletrônico é de R$ 12,4 milhões. As propostas podem ser entregues pelas empresas interessadas em participar até o dia 26 de fevereiro, dia em que também vai acontecer o leilão.

De acordo com a licitação, a empresa deve fornecer a infraestrutura, incluindo o fornecimento de equipamentos, além da montagem e desmontagem do hospital de campanha. Paralelo ao anúncio da licitação, o governo também solicitou a requisição administrativa de um imóvel localizado na Rua Largo dos Coelhos, que provavelmente vai abrigar o hospital.

O estado vai indenizar o dono do imóvel e explicar que a requisição se dará em função de uma emergência de saúde pública, motivada pela pandemia do coronavírus.

Crescimento dos números da covid-19

De acordo com o Governo do Estado, a necessidade de ampliar o número de leitos é para atender a um possível crescimento no número de casos, como vem acontecendo em vários estados brasileiros.

De acordo com o boletim divulgado nesta segunda-feira (15), desde o início da pandemia, Pernambuco já contabiliza 281.331 casos confirmados e 10.677 mortes pelo novo coronavírus.

Hospitais de campanha do Recife

A Prefeitura do Recife instalou sete hospitais de campanha na cidade, um deles foi montado nos Coelhos, desativado em agosto. Na época, a prefeitura alegou a redução do número de pacientes com covid-19 como justificativa para fechar o equipamento.

A rede estadual de atendimento à covid-19 conta atualmente com 1.925 leitos e uma ocupação média de 78%. Desse total de leitos, 993 são de UTI e estão com ocupação de 86% e outros 932 são de enfermaria, com 68% deles ocupados.

Mais Lidas