Covid-19: Cidade em Minas Gerais suspende vacinação após perder mais de 200 doses

Perda de doses da vacina contra a covid-19 ocorreu em Igarapé

IMUNIZAÇÃO
Covid-19: Cidade em Minas Gerais suspende vacinação após perder mais de 200 doses

Caso aconteceu no município de Igarapé - Foto: Divulgação/ Prefeitura de Igarapé

Com informações da Agência Brasil

A Prefeitura de Igarapé, município localizado na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, suspendeu temporariamente a vacinação contra a covid-19, após identificar uma pane elétrica em um dos refrigeradores de armazenamento das doses no último fim de semana.

Segundo a Prefeitura de Igarapé, 229 doses da vacina Coronavac foram perdidas. A pane afetou um dos três refrigeradores da sala de vacinas, localizada na Policlínica Inácio Caetano de Andrade, no centro da cidade.

O problema ocorreu nesse último fim de semana e só foi constatado na manhã desta segunda-feira, 15, quando as funcionárias da equipe de vacinação iniciaram seu turno de trabalho e verificaram que o equipamento estava com temperatura alterada, registrando 36,6 graus, quando não deveria passar de 8 graus.

 

>> Falsa aplicação de vacina contra covid-19: saiba como ter certeza de que imunizante foi aplicado corretamente

>> Amazonas deve ser o primeiro estado a vacinar toda a população contra a covid-19, diz ministro da Saúde

 

Polícia investiga caso 

A prefeitura acionou imediatamente a empresa responsável pela manutenção do equipamento para diagnosticar onde ocorreu o problema. E também pediu a colaboração das polícias Militar e Civil para identificar possíveis responsáveis.

Ele adiantou que o técnico da empresa, após vistoria no equipamento, verificou defeito raro no termostato do refrigerador, que, segundo informou, em mais de 30 anos de trabalho e mais de 500 manutenções, constatou apenas cinco semelhantes até hoje.

 

>> Projeto que torna crime furar a fila de vacinação é aprovado na Câmara

>> Médico Drauzio Varella recebe vacina contra a covid-19

>> Anvisa autoriza nova importação da vacina Covishield, da AstraZeneca

 

Doses da vacina

A Prefeitura de Igarapé informou ter recebido do Governo de Minas Gerais três lotes com os imunizantes contra a covid-19, sendo 210 doses da vacina Astrazeneca, aplicadas em sua totalidade, e 604 doses da vacina Coronavac – 402 destinadas à aplicação de primeiras doses e 202 para a segundas doses.

Do total de doses de Coronavac, até a sexta-feira passada, já tinham sido aplicadas 375 doses, sendo que 284 pessoas no município já tinham recebido a primeira dose da vacina e outras 91 tiveram o ciclo de imunização concluído com a aplicação da segunda dose.

“Esta situação deixou todos nós da administração municipal totalmente consternados. Estamos empenhados no combate à covid-19 em nossa cidade e o ocorrido interrompeu nossa campanha de vacinação”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Leonardo Barberá.

Reposição 

De acordo com o secretário de saúde, o prefeito de Igarapé Arnaldo Chaves já fez contato com o Governo do Estado solicitando a reposição emergencial das vacinas. E deverá se reunir com representantes da Secretaria de Estado da Saúde para tratar do assunto nos próximos dias.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Mesmo com o início da vacinação contra a covid-19, é importante manter as medidas. Entre elas estão:

- Usar máscara em ambientes compartilhados 

- Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.

- Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.

- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.

- Evitar contato próximo com pessoas doentes.

- Ficar em casa quando estiver doente.

- Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.

- Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.

- Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

- Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.