Novo auxílio emergencial pode ficar para abril, diz ministro Paulo Guedes

De acordo com o ministro da Economia, o auxílio emergencial em 2021 vai variar de R$ 150 a R$ 375

ECONOMIA
Novo auxílio emergencial pode ficar para abril, diz ministro Paulo Guedes

Expectativa era que o auxílio emergencial seria pago ainda em março - Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Com informações da Agência Brasil, Agência Senado e TV Jornal

Após confirmar que o governo federal irá uma novo auxílio emergencial para famílias de baixa renda e trabalhadores informais, o ministro da Economia Paulo Guedes afirmou que o pagamento da primeira parcela da nova rodada do auxílio emergencial deve ficar para abril. A declaração foi dada em entrevista ao site Jota, na sexta-feira (12). Além disso, ele reforçou que o benefício vai variar de R$ 150 a R$ 375, e não será de R$ 600, como aconteceu em 2020.

O ministro afirmou que as contrapartidas fiscais exigidas na proposta de emenda à Constituição (PEC) Emergencial foram necessárias porque o governo não tinha condições de continuar a pagar um benefício de R$ 600. A expectativa inicial governo é pagar o novo auxílio emergencial ainda no mês de março. 

“Um auxílio de R$ 600 não seria sustentável e ia virar inflação, o que prejudicaria os mais pobres. Com R$ 600 por mais dois anos, a inflação vai a 5%, 6%, 7%”, disse o ministro da Economia.

Ainda de acordo com Paulo Guedes, o Ministério da Cidadania, João Roma, está definindo a formatação do programa para decidir em que casos o beneficiário receberá o menor e o maior valor. O ministro ainda disse que a renovação do auxílio emergencial só não saiu antes porque a política tem um tempo próprio para autorizar os gastos extras.

Atualização de cadastro no Caixa Tem

Apesar de ainda não ter o calendário para pagamentos e saques, todos os correntistas da Caixa Econômica Federal, que possuem direito a receber o auxílio emergencial, devem atualizar os cadastros no aplicativo da Caixa Tem. O objetivo é evitar ao máximo as fraudes durante o pagamento da nova rodada do auxílio emergencial. 

> Saiba como atualizar o cadastro no Caixa Tem para evitar fraudes no recebimento do auxílio emergencial

De acordo com a apuração do SBT News, quem não realizar a atualização, pelo menos na etapa inicial de pagamentos, deve receber o novo auxílio emergencial normalmente. As informações como foto do documento pessoal (RG ou Carteira Nacional de Habilitação), comprovante de residência e uma foto de si mesmo segurando o próprio documento devem ser atualizadas no aplicativo Caixa Tem. 

Calendário de atualização

Os usuários podem atualizar o cadastro de acordo com a data de aniversário do beneficiário. A medida é uma tentativa de evitar diversos acessos simultâneos na plataforma. Confira o calendário para atualizar o cadastro no Caixa Tem.

  • 14/03: nascidos em janeiro
  • 16/03: nascidos em fevereiro
  • 18/03: nascidos em março
  • 20/03: nascidos em abril
  • 22/03: nascidos em maio
  • 23/03: nascidos em junho
  • 24/03: nascidos em julho 
  • 25/03: nascidos em agosto
  • 26/03: nascidos em setembro 
  • 29/03: nascidos em outubro
  • 30/03: nascidos em novembro 
  • 31/03: nascidos em dezembro

 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.