Patrícia Roberta: Polícia da Paraíba prende suspeito de assassinar vendedora pernambucana

Prisão aconteceu no final da noite da terça-feira (27). Homem é amigo de infância de Patrícia Roberta

CASO PATRíCIA ROBERTA
Patrícia Roberta: Polícia da Paraíba prende suspeito de assassinar vendedora pernambucana

Patrícia Roberta - Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal

A Polícia Militar da Paraíba prendeu um homem suspeito de matar a vendedora pernambucana Patrícia Roberta Gomes da Silva, de 22 anos. O homem é um tatuados de 23 anos e a prisão aconteceu no final da noite de terça-feira (27), em João Pessoa.

A informação foi confirmada pelo comandante da Polícia Militar da Paraíba, coronel Euller Chaves. O suspeito era amigo de infância da vítima e teria atraído a jovem até o local onde ela foi assassinada. 

Prisão

O suspeito foi encontrado em uma casa no bairro Mangabeira III. Além do homem, a polícia também apreendeu uma motocicleta que teria sido usada para transportar o corpo de Patrícia até uma área de mata onde os restos mortais foram encontrados. 

A Polícia Civil da Paraíba investiga o caso e mais informações devem ser repassadas ao longo desta quarta-feira. 

O caso

O caso do assassinato da jovem Patrícia Roberta repercutiu bastante nesta terça-feira. A jovem morava em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, e viajou, na última sexta-feira (23) para encontrar um amigo em João Pessoa. 

No domingo (25), Patrícia disse para a mãe que estava trancada no apartamento deste amigo e demonstrou preocupação. Depois, ela disse que estava tudo bem, mas não respondeu mais a mãe. 

Somente na terça-feira (27) vizinhos ligaram para a polícia denunciando que o homem saiu do prédio carregando um tonel de lixo com um volume suspeito que parecia um corpo. 

A Polícia encontrou o corpo em uma mata distante cerca de dois quilômetros da casa do principal suspeito. No apartamento, os investigadores localizaram desenhos descritos como “macabros” e um caderno com uma lista de nomes de mulheres. Nas linhas, entre outros nomes, o de Patrícia Roberta.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.