PASSANDO A LIMPO

Brasileiros podem abrir empresa em Portugal com menos de R$ 2 mil

Durante a coluna Conexão Portugal, o correspondente Antônio Martins explicou que é possível abrir empresa em poucas horas e sem sair de casa

Elaine Santana
Elaine Santana
Publicado em 13/05/2021 às 18:32
Reprodução/Rádio Jornal
FOTO: Reprodução/Rádio Jornal
Leitura:

A migração de brasileiros para Portugal tem se intensificado na última década. Em busca de melhores oportunidades de emprego e de qualidade de vida, muitas pessoas decidem se arriscar no país vizinho. Durante a coluna Conexão Portugal desta quinta-feira (13), o correspondente Antônio Martins explicou que é fácil abrir uma empresa em Portugal. O processo custa em torno de 360€, ou seja, pouco menos de R$ 2 mil.

Segundo ele, "o brasileiro que quiser abrir uma empresa em Portugal tem que estar, a princípio, aqui e ter um número fiscal - que seria o CPF." Se não estiver no país, é preciso ter um representante que more lá para ser um elo entre o empreendedor e as autoridades tributárias.

Alerta para ofertas de emprego

É importante ficar atento às ofertas para trabalhar em Portugal. De acordo com Antônio Martins, os brasileiros não podem acreditar que encontrarão vida fácil, pois esta é uma realidade que não existe em Portugal. "Não se ganha muito dinheiro aqui em Portugal. Não é um lugar como a Alemanha, Dinamarca, França e Inglaterra onde você faz um trabalho mais simples e ganha o suficiente para se manter e ganha até um dinheiro a mais para poder voltar para o Brasil", reforçou o correspondente.

Como ouvir?

O programa Passando a Limpo discute os principais assuntos do dia, de segunda a sexta-feira, das 9h às 10h. Você pode sintonizar na 90.3 FM. Também é possível acompanhar o programa no formato de podcast. Para isto, basta acessar o site da emissora ou o app da Rádio Jornal, disponível em Google Play, para Android, e Apple Store, para iOS; ou escutar pelo Apple Podcasts ou Spotify.

Mais Lidas