Deslizamento de barreira em Jaboatão: Pai e filha morreram abraçados

Cerca de 40 horas após início das buscas, o Corpo de Bombeiros encontrou os corpos das duas últimas vítimas de um deslizamento de barreira

TRAGÉDIA
Deslizamento de barreira em Jaboatão: Pai e filha morreram abraçados

Corpos das quatro vítimas já foram encontrados; Bombeiros encerrou o trabalho na área - Foto: Reprodução/TV Jornal

Atualizada às 12h18

O Corpo de Bombeiros confirmou que Osvaldo Pessoa de Siqueira, de 39 anos, e sua filha Isabeli Pessoa de Siqueira, 11 anos, morreram abraçados no sofá de casa após a casa da família ser destruída por um deslizamento de barreira, no bairro de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. Os corpos das duas últimas vítimas dessa tragédia foram encontrados na manhã deste sábado (15), após cerca de 40 horas de buscas. 

 

>> Corpos de pai e filha soterrados após deslizamento de barreira em Jaboatão são encontrados

>> Saiba onde encontrar abrigo no Grande Recife e se proteger das chuvas e deslizamentos de barreiras

>> Conheça a família que foi soterrada durante deslizamento de barreira em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife

 

Arcebispo cobra medidas

O arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, acompanhou, neste sábado (15), o trabalho de buscas pelos corpos de pai e filha. Ele cobrou medidas para evitar tragédias como essa.  

"O que me preocupa bastante é a situação dos demais membros da população, que moram no em torno da casa que foi destruída, sobretudo no alto da barreira. Essas casas estão ameaçadas. É preciso que o governo tenha a preocupação de encontrar uma solução para isso. Que todos, governos estadual e municipal, possam se mobilizar para atender essa comunidade de uma maneira eficaz, porque o inverno está praticamente começando e outras chuvas virão. Não podemos correr o risco de ter outras perdas", disse.  

Deslizamento e buscas

Deslizamento de barreira deixou quatro pessoas de uma mesma família soterradas
Deslizamento de barreira deixou quatro pessoas de uma mesma família soterradas
Tião Siqueira/ JC Imagem

Na última quinta-feira (13), por volta das 18h30, um deslizamento de barreira, no bairro de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, atingiu a casa da família composta por quatro pessoas: Osvaldo Pessoa de Siqueira, de 39 anos, a esposa dele Sílvia Regina da Silva, de 36 anos, a filha do casal Isabeli Pessoa de Siqueira, 11 anos, e o outro filho do casal, Otávio Pessoa de Siqueira, de 16 anos.

Ao longo da quinta-feira (13), choveu muito no Grande Recife e a barreira não suportou o volume de águas. 

Cães farejadores e uma retroescavadeira foram usados para ajudar nas buscas. O corpo do adolescente foi encontrado ainda na noite da quinta-feira. A mãe das crianças foi encontrada sem vida na sexta-feira (14). Já os corpos de pai e filha foram achados na manhã deste sábado. Os dois morreram abraçados no sofá de casa. 

A família era formada por Osvaldo Pessoa de Siqueira, de 39 anos, a esposa dele Sílvia Regina da Silva, de 36 anos, a filha do casal Isabeli Pessoa de Siqueira, 11 anos, e o outro filho do casal, Otávio Pessoa de Siqueira, de 16 anos. Os corpos do pai e da filha foram encontrados na manhã deste sábado.   

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.