Viúva de MC Kevin conta como descobriu traição e desabafa: 'perdi uma pessoa que eu amava. Fui traída'

MC Kevin morreu, no domingo (16), aos 23 anos de idade, após cair do 5º andar de um hotel na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro

MORTE DE FUNKEIRO
Viúva de MC Kevin conta como descobriu traição e desabafa: 'perdi uma pessoa que eu amava. Fui traída'

Deolane Bezerra contou sobre ter encontrado Bianca Dominguez na delegacia após morte de MC Kevin - Foto: Reprodução/Redes sociais

Na primeira entrevista concedida após a morte de MC Kevin, a viúva do funkeiro, a advogada Deolane Bezerra, contou como descobriu a traição do marido, e revelou estar vivendo o pior momento da sua vida. O artista morreu no domingo (16), após cair do 5º andar de um hotel, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, aos 23 anos de idade. A entrevista foi concedida ao repórter Roberto Cabrini, no Cidade Alerta, da TV Record.

“O pior [momento] de toda minha vida. Perdi uma pessoa que eu amava. Fui traída, não sei o motivo, até porque ele mandou mensagem para mim poucos minutos antes (...) Ele mandou vídeo falando que me amava, tem relatos de amigos dele dizendo que ele não queria ficar com essa menina”, disse a advogada.  

Deolane acredita que é possível que alguém traia outra pessoa mesmo que a ame, e naturaliza o comportamento de MC Kevin. "É o instinto do homem, e a vida do Kevin era muito intensa. Ele era tentado o tempo todo, afirmou.  
Deolane ainda acredita que as testemunhas estão combinando o depoimento. “Eu acho que houve algo ali. Só eles podem dizer o que aconteceu”, afirmou. 

 

>> MC Kevin morreu de que? Ele usou drogas? Quem é Bianca Domingues? O que diz a esposa de MC Kevin? Veja o que se sabe sobre morte do cantor

>> O que é MD? Quais os riscos? Entenda como funciona nova droga sintética alucinógena que teria sido usada por MC Kevin antes de morrer

 

Quando soube da traição?  

Deolane relatou que ainda quando estava no hospital, após saber da morte do marido, foi convidada para comparecer à delegacia. Ela não estranhou, já que sabia que seria necessário investigar as causas da morte do marido. “Eu estava no hospital, já sabia que ele tinha morrido, e aí chegou um policial me convidando para ir à delegacia. Cheguei lá, eu falei ‘por que o Victor não está aqui?’. Eu só via o Jhonatas lá, mas eu não o conhecia, não sabia quem era ele”, relatou a mulher em entrevista.  

A viúva de MC Kevin voltou a confirmar que estava dormindo quando o funkeiro caiu. Segundo ela, ela pediu a Deus para que a morte do marido tivesse sido, de fato, uma fatalidade.  

Ainda na delegacia, Deolane foi acolhida por familiares. Sua irmã, que também é advogada, teve acesso aos primeiros depoimentos colhidos pelo delegado, e entendeu que MC Kevin estava traindo Deolane. “A minha irmã já olhava para mim com pena. Eu passei a sair do luto para sentir vergonha (...) Ela falou: ‘Tinha uma mulher lá. O delegado falou que chegou alguém batendo na porta, ele se assustou, e pulou’. Esse é o teor dos primeiros depoimentos que o delegado falou para minha irmã”, contou Débora.  

A mulher era a modelo Bianca Domingues, uma garota de programa que afirma ter feito sexo com MC Kevin e com um amigo do cantor momentos antes da queda. Ela teria conhecido o grupo na tarde do domingo (16), em um quiosque da praia que fica em frente ao hotel onde o funkeiro estava hospedado. Ela teria cobrado R$ 1.000 para fazer sexo com o cantor. Bianca disse à polícia que Kevin teve medo de ser flagrado pela esposa e que, por isso, tentou fugir do quarto, quando escorregou e caiu. 

"Não acredito que ele pularia dali sem um estímulo"

Deolane também falou sobre qual seria sua reação, caso tivesse flagrado o marido a traindo. "Eu teria batido palma, e falado: Você me perdeu. Eu não teria ido para cima dele. A gente não saía na mão, como no ditado popular. A gente não se agredia", disse.

Ela acredita que o marido não teria pulado sem ser estimulado. "Eu acredito que ele saberia contornar a situação, e me levar embora. Eu não acredito que ele pularia dali sem um estímulo, sem alguém falando algo", disse. 

Encontro com Bianca 

Deolane também contou como foi seu encontro com Bianca “Eu só vi ela no segundo dia do depoimento na delegacia. Eu dei um tapa na cara dela, porque eu vi ela e o VK se beijando. Ela falava: ‘Ele queria me beijar, e eu não queria’. Eu não sei de quem ela estava falando, mas eu vi isso. Na verdade, eu queria bater no Victor, mas como eu vi ela fazendo isso, eu dei um tapa na cara dela, e minhas irmãs me retiraram do local”, relatou.  

Ainda de acordo com Deolane, os policiais apartaram a briga, e se queixaram da confusão.  

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.