ASSUNTOS DO DIA

Último dia do IR, vacinação em massa, violência em protesto: Veja o que você precisa saber pra começar o dia bem informado


Essas são as principais notícias para você começar o dia bem informado

Victor Tavares
Victor Tavares
Publicado em 31/05/2021 às 6:53
Marcello Casal Jr./ABr
FOTO: Marcello Casal Jr./ABr
Leitura:

Veja o que você precisa saber para começar o dia bem informado

Paulo Câmara determina que feridos em protesto no Recife recebam assistência do Estado e indenização. Contagem regressiva para a entrega da declaração do Imposto de Renda. Mortes por covid-19 despencam 95% após vacinação em Serrana, no interior de São Paulo.

Violência em protesto

Em comunicado divulgado à imprensa neste domingo (30), o governador Paulo Câmara (PSB) informou que determinou à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) que acompanhe a assistência médica que está sendo prestada aos dois homens feridos durante o protesto contra o governo Bolsonaro que ocorreu no último sábado no Recife. As vítimas, que foram atingidas por balas de borracha disparadas por policiais militares no ato, correm o risco de perder a visão.

Governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em pronunciamento oficial
Governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em pronunciamento oficial
Reprodução/TV Jornal

Vacinação em massa

A oferta da vacina Coronavac para toda a população de Serrana, no interior de São Paulo, diminuiu em 95% o número de óbitos por covid-19 na cidade segundo resultados preliminares de um estudo feito pelo Instituto Butantan e divulgados pelo Fantástico na noite deste domingo, 30. De acordo com a reportagem, o número de casos sintomáticos caiu 80% e as internações foram reduzidas em cerca de 86% enquanto 15 cidades vizinhas registravam alta no número de infectados.

De acordo com o governo paulista, os primeiros a receber as doses da Coronavac serão profissionais de saúde e pessoas com mais de 60 anos
Divulgação/Instituto Butantan

Prazo final

Os contribuintes que ainda não acertaram as contas com a Receita Federal precisam correr, pois o período para declarar o Imposto de Renda 2021, ano-base 2020, acaba nesta segunda-feira (31). Quem não entregar a declaração até às 23h59 de hoje vai ter que pagar uma multa de R$ 165,74, no mínimo, pelo atraso, mas pode chegar a 20% do valor do imposto devido.

Imposto de Renda 2021
Imposto de Renda 2021
Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Mais Lidas