Igreja Católica

Festa de Nossa Senhora do Carmo começa nesta quinta (1º), no Recife; confira programação completa

Em 2022, Basílica de Nossa Senhora do Carmo completa 100 anos, mas a festa já começa agora, em 2021

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 30/06/2021 às 8:57
Isa Maria/ TV Jornal
FOTO: Isa Maria/ TV Jornal
Leitura:

Em 2021, a Igreja Católica no Recife começa as comemorações pelos 100 anos da Basílica de Nossa Senhora do Carmo, padroeira da cidade, localizada no centro da capital pernambucana. A festa terá início nesta quinta-feira (1/07), com várias missas ao longo do dia inteiro. A expectativa é que 100 celebrações sejam realizadas.

Confira a programação completa da Festa de Nossa Senhora do Carmo:

A Arquidiocese de Olinda e Recife emitiu o seguinte comunicado:

"Em referência ao ano dedicado a São José, por convocação do Papa Francisco, e a abertura do ano jubilar dos 100 anos de elevação pontifícia da Basílica do Carmo do Recife, a Província Carmelitana Pernambucana e a Ordem dos Irmãos da Bem Aventurada Virgem Maria do Monte Carmelo, apresentam os detalhes da Festa de Nossa Senhora do Carmo 2021.

A 325ª edição da Festa traz como tema, Mãe do Carmelo, contigo e Teu Esposo, São José subimos à Casa do Senhor!, e o lema “No centenário da Basílica, somos todos pedras vivas!”, conforme citação bíblica 1 Pd 2,5. Este ano a pré-festa está de volta entre os dias primeiro e cinco de julho, com missas às 7h, 9h, 12h e 15h. Estas celebrações vão ocorrer em preparação ao Novenário, que vai ocorrer entre os dias seis e 16 de julho de 2021.

Visando uma melhor acolhida e distanciamento do público visitante durante os dias de festejo e atendendo as orientações dadas pelas autoridades de saúde e da própria Igreja Católica no combate a Covid-19, a Festa deste ano vai contar com a celebração de 100 santas missas.

As santas missas vão acontecer em três locais: na Basílica do Carmo, no claustro do Convento e na Igreja da Ordem Terceira do Carmo. Todos os espaços estão localizados dentro do complexo dos carmelitas, na área central do Recife.

As celebrações eucarísticas vão ocorrer a cada hora. Entre os dias seis e 14 de julho, as santas missas vão ser rezadas das 7h às 16h, no dia 15 de julho, as celebrações têm início uma hora antes, das 6h às 16h. Já no dia dedicado a Nossa Senhora do Carmo, 16 de julho, pela primeira vez na programação da festa, as celebrações tem início às 4h e seguem até às 18h.

Os devotos vão ter acesso a esses três locais pela porta lateral da Basílica,direcionados pelos seguranças para os locais da celebração, atendendo a capacidade de até 30 por cento do público, conforme decreto estadual e orientação da Arquidiocese de Olinda e Recife. Todos os fiéis vão passar em frente ao altar central que acolhe a imagem centenária de Nossa Senhora do Carmo.

No dia seis de julho tem início a festividade, com a Solene Missa de Abertura e Hasteamento da Bandeira, e vai contar com a presidência do bispo auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Limacêdo Antônio da Silva.

Na ocasião vão ser apresentados o Selo Comemorativo e o Hino do Centenário. Às 18h30, vai ser celebrado o primeiro dia do Novenário, que segue até o próximo dia 14.

Assim como ocorreu na festividade do ano passado, as apresentações artísticas vão ser realizadas através de lives. No dia 13 de julho, a sanfoneira Ceiça Moreno, que participou do The Voice+; na quarta-feira (14), Almir Rouche e em 15 de julho, padre Damião Silva e Dudu do Acordeon. Todos os shows vão ter início às 20h pelo canal de mídia do youtube.com/tvcarmelo.

No dia 15 de julho, às 18h30, vai ocorrer a celebração denominada Vésperas Solene, além da apresentação do manto e coroa de Nossa Senhora, e da coroação do menino Jesus, que vão ser levados por profissionais de saúde como forma de homenagear e entregar a Mãe do Carmelo os que trabalham na linha de frente no combate ao novo coronavírus e também as vítimas desta doença.

A Solene Missa de Encerramento acontece no dia da padroeira do Recife, 16 de julho, às 9h, com a presidência do arcebispo metropolitano de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, com transmissão pela Rede Vida de Comunicação, TV Carmelo e Rádio Olinda FM 105,3.

Ainda dentro das atividades no dia dedicado a Santa, às 14h, a imagem peregrina de Nossa Senhora do Carmo vai sair em carro aberto pelas principais ruas e avenidas do centro da cidade e bairros vizinhos localizados no Recife

Desde a Festa 2020, uma réplica da imagem centenária de Nossa Senhora do Carmo está exposta em um altar montado em frente à porta principal do templo e vai permanecer ao longo dos 16 dias de atividades celebrativas.

No sábado, dia 17, a Basílica vai estar aberta apenas para visitação, das 7h às 12h. Domingo (18) e segunda-feira (19), vai ficar fechada, retomando as atividades na terça-feira, dia 20 de julho. A Santa Missa dominical, dia 18, vai ser celebrada na Igreja da Ordem Terceira do Carmo, às 10h.

Dentro da programação da pós-festa, a partir do dia 21 de julho vão ser realizadas Missas Votivas de Nossa Senhora, com cânticos marianos e a imposição do escapulário. Essas celebrações vão ocorrer todas as quartas-feiras, às 12h, durante o ano jubilar dos 100 anos de elevação pontifícia da Basílica do Carmo.

Dos produtos oficiais da 325ª Festa de Nossa Senhora do Carmo estão a camisa oficial 2021, no valor de R$ 25,00 e a máscara, R R$10,00, além da rifa de um carro FIAT MOBI, no valor de R$ 13,00. Os itens encontram-se à venda na loja da Basílica. Mais informações pelo site www.basilicadocarmorecife.org.

Durante o Novenário, a TV Carmelo vai transmitir as principais celebrações ao longo do dia e a Rádio Olinda as santas Missas, às 12h.

Todos os cuidados com a prevenção do novo coronavírus permanecem na Igreja, como a higienização dos bancos e dos pisos com produtos específicos e a limpeza das mãos dos fiéis com álcool a 70% fornecido na entrada do Templo, além do uso obrigatório de máscaras.

Vamos juntos neste centenário da Basílica do Carmo, com Maria e José, fazermos a experiência de subir ao Templo e irmos ao encontro de Jesus, como pedras vivas.

História da Basílica do Carmo

Data do Século XV o início da devoção a Nossa Senhora do Carmo no Brasil, com a chegada dos carmelitas a Olinda e a construção do Convento na cidade, em 1584.

Em 1663, os carmelitas se estabeleceram no Recife, na área do antigo Palácio da Boa Vista, que pertenceu ao conde Maurício de Nassau. No local começaram a erguer a Igreja e o Convento a partir de 1665. A Igreja ficou pronta após 100 anos, em 1767, com expressões do barroco português do século 18.

A fachada é ornada com arabescos e uma torre de 50 metros, além de imagens em pedra da Virgem do Carmo e dos santos Elias e Eliseu, iniciadores dos carmelitas.

O Templo em seu interior possui nove altares, oito em cada lado e um altar central, a capela-mor, com a imagem centenária de Nossa Senhora do Carmo, além de São Elias e São Eliseu.

O patrimônio cultural/artístico/religioso pode ser observado também nas paredes, trabalhadas no dourado pleno, na mistura entre o dourado e branco e também no policromado, e no piso da Basílica, com os azulejos portugueses, exemplares dos primeiros ladrilhos cimentícios.

No teto podemos ver um forro em madeira com a imagem de São Elias, patrono da Ordem Carmelita, sendo levado ao céu por uma carruagem de fogo.

A Igreja foi elevada à condição de Basílica no ano de 1922 no pontificado do Papa Bento XV, e em 1938 foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Nossa Senhora do Carmo, Padroeira do Recife

A devoção a Nossa Senhora do Carmo se espalhou rapidamente nas terras brasileiras. Os fiéis que recorriam à virgem do Carmelo sempre demonstraram seus afetos por ela sendo prova disto os muitos conventos e igrejas erguidos graças aos inúmeros benefícios dos devotos.

A monumental igreja de Nossa Senhora do Carmo teve suas obras iniciadas em 1665, e foi um marco importante da história de Pernambuco. A Igreja do Carmo situada no coração da capital de Pernambuco possui a imagem centenária de Nossa Senhora do Carmo que se tornou símbolo da fé do povo pernambucano.

Foi por desejo do povo e do grande trabalho dos frades espanhóis, principalmente de Frei André Prat, que em 1908, foi pedido a elevação de Nossa Senhora do Carmo como padroeira do Recife.

O bispo Dom Raimundo Brito aceitou com alegria o pedido do povo recifense e levou ao papa a solicitação com a assinatura da população devota. Em 1909, o papa concede o benefício e a virgem do Carmo é elevada a padroeira do Recife, junto a Santo Antônio. Fonte: tvcarmelo.com.br

Nossa Senhora do Carmo, Rainha de Pernambuco

Assim como no patronato, a coroação foi um desejo do povo. Não podemos deixar de citar aqui o enorme esforço do carmelita espanhol Frei André Prat que trabalhou incansavelmente pelo patronato, coroação de Nossa Senhora do Carmo e restauração da Província Carmelitana Pernambucana.

Desde 1911, a sociedade pernambucana, com o clero, o bispo Dom Sebastião Leme e instituições religiosas trabalharam para que a coroação fosse um evento que ficasse para a história da igreja em Pernambuco.

A imagem de Nossa Senhora do Carmo foi a segunda imagem canonicamente coroada no Brasil, sendo a primeira imagem coroada a de Nossa Senhora Aparecida em 1908.

A semana que antecedeu a coroação foi de grande movimento para a cidade do Recife. Os bispos do Norte e Nordeste do Brasil se reuniram em assembleia no convento do Carmo, houve novenas e várias celebrações.

A Igreja e o convento foram reformados e iluminados para a solenidade. Uma coroa de ouro de 3.000 gramas de ouro e 60 centímetros de altura foi confeccionada pela generosidade do povo pernambucano.

No dia da coroação, 21 de setembro de 1919, os sinos tocaram pela manhã. Às nove horas, a solene leitura da bula pontifícia que coroava Nossa Senhora do Carmo foi lida pelo bispo Primaz do Brasil, Dom Gerônimo Tomé, com todo o pontifical exigido.

Neste dia foi decretado feriado e o Recife parou. Os trens e bondes ficaram lotados. Os carros de aluguéis foram todos alugados e as sapatarias, chapelarias e confeitarias venderam todos os seus estoques. Hotéis e pensões da cidade ficaram cheios e todos os jornais noticiaram algo sobre a coroação.

A procissão saiu à tarde da basílica levando a imagem da virgem que percorreu as ruas do Centro do Recife que estavam todas enfeitadas. A Praça da Faculdade de Direito ficou lotada, local da coroação.

Na hora da coroação, sinos e fogos se ouviam em toda cidade. Após a coroação, o arcebispo Dom Sebastião Leme fez um eloquente discurso e iniciou dizendo: Rainha de Pernambuco, Salve! Soberana dos corações, Senhora do mundo inteiro salve, salve! Esse foi um dia de festa para todos os pernambucanos.

Em 2019, foram realizadas as comemorações do centenário da coroação canônica da imagem de Nossa Senhora do Carmo. A festividade contou apresentação musical para escolha do hino oficial, exposição fotográfica, livro histórico, peregrinação com a imagem peregrina, campanha para troca dos Sinos, novenário da Festa do Carmo 2019 e tríduo festivo celebrado entre os dias 18 e 21 de setembro do mesmo ano, com procissão e coroação da mesma imagem refazendo o percurso realizado há 100 anos.

Em 1967, através de decreto-lei 9.777, a data 16 de julho entrou para o calendário oficial de referência a Nossa Senhora do Carmo. Desde 2019, a Festa de Nossa Senhora do Carmo faz parte do calendário oficial de eventos turísticos de Pernambuco.

Fonte: tvcarmelo.com.br (adaptado)

Vésperas solene - vésperas é a oração litúrgica e canônica da igreja celebrada após o entardecer. Significa o dia que antecede a festa e é solene pelo motivo de ser celebrada solenemente.

Basílica - templos com beleza extraordinária e rica história junto à comunidade. A palavra de origem grega significa “rei” e que confere a Jesus Cristo como o verdadeiro juiz e governante, suplantando o papel dos líderes romanos.

Escapulário - termo de origem latina que significa "armadura" ou "proteção". De acordo com a tradição da ordem carmelita, no dia 16 de julho de 1251, a Virgem Maria apareceu para o frei Simão Stok, então superior dos Carmelitas, e lhe entregou o escapulário dizendo: “O escapulário será para ti um privilégio, e quem morrer piedosamente revestido com ele será preservado do fim eterno.” Desde então, o escapulário passou a fazer parte integrante do hábito da congregação.

Imagem peregrina – a imagem de Nossa Senhora do Carmo é a mesma que em 1951 percorreu igrejas em todo o Brasil nas comemorações dos 700 anos do escapulário. Em 2019, esta imagem peregrinou nas paróquias da Arquidiocese de Olinda e Recife em comemoração ao centenário da coroação canônica de Nossa Senhora do Carmo como Rainha de Recife e Pernambuco.

Serviços:

325ª Festa de Nossa Senhora do Carmo - Recife

Pré-festa: 01 a 05 de julho de 2021

Novenário: 06 a 16 de julho de 2021

Tema: Mãe do Carmelo, contigo e Teu Esposo, São José subimos à Casa do Senhor!

Lema: No centenário da Basílica, somos todos pedras vivas!

Atrações Culturais:

13/07 Ceiça Moreno

14/07 Almir Rouche

15/07 Padre Damião Silva e Dudu do Acordeon

Transmissão: youtube.com/tvcarmelo, às 20h

PRÉ-FESTA

QUINTA-FEIRA (01/06)

12h - Santa Missa de envio das equipes de trabalho da Festa do Carmo

Celebrante: Frei José Leandro - O.Carm. Pároco da Paróquia de N. Senhora da Piedade- Jaboatão dos Guararapes - PE

SEXTA-FEIRA (02/07)

9h – Santa Missa transmissão pelo Rádio Olinda FM

Celebrante: Pe. Damião Silva - Pároco da Paróquia de Santo Amaro - Jaboatão dos Guararapes - PE

SÁBADO (03/07)

9h – Santa Missa

Celebrante - Frei Luiz Nunes - Pároco da Paróquia Sagrado Coração Eucarístico de Jesus - Bairro do Espinheiro, Recife-PE

DOMINGO (04/07)

10h - Santa Missa

Celebrante: Frei Rosenildo Alexandre .Carm - Reitor da Basílica do Carmo do Recife-PE

SEGUNDA-FEIRA (05/07)

09h - Santa Missa

Celebrante: Mons. Rosivaldo Torres - Vigário Epsicopal do Vicariato Beberibe e Pároco da Paróquia de N. Sra. da Conceição de Beberibe- Recife-PE

NOVENÁRIO

TERÇA-FEIRA (06/07) - 1º DIA DO NOVENÁRIO

09h - Solene Missa de Abertura da Festa e Hasteamento da Bandeira

Presidente: Dom Limacêdo Antônio da Silva - Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife

18:30h - Novenário

Pregador: Pe. Dr. Antônio Raimundo Souza Mota - Reitor do Santuário de Fátima - Recife-PE

Tema: Mãe do Carmelo, contigo e Teu Esposo, subimos à Casa do Senhor!

Evangelho: Lc 2, 41-52

Patrocínio: Prefeitura da Cidade do Recife

Convidados: Liturgia do Carmo, Apostolado da Oração da AOR e da Basílica do Carmo, Vicariato Soledade - Pe. Paulo Sérgio Vieira Leite.

QUARTA-FEIRA (07/07) - 2º DIA DO NOVENÁRIO

18h30 - Novenário

Pregador: Frei

Presidente: Frei Hélio Júnior Ferreira O.F.M. - Cap. Reitor da Basílica da Penha, Recife-PE

Tema: Virgem do Carmo, esposa de José, esposa de Deus, ensina-nos a dizer SIM a Deus.

Evangelho: Lc 1, 26 - 36

Patrocínio: Governo do Estado de Pernambuco

Convidados: Vicariato do Cabo - Pe. Josivaldo José Bezerra e IPHAN, Movimentos e Pastorais da AOR - Terço dos Homens da AOR.

QUINTA-FEIRA (08/07) - 3º DIA DO NOVENÁRIO

18;30h - Novenário

Pregador: Dom Luís Gonzaga Silva Pepeu O.F.M.Cap - Arcebispo Emérito de Vitória da Conquista - BA

Tema: São José e a Virgem Maria, filhos de Davi, escolhidos pela providência divina como família do Salvador!

Evangelho: Mt 1, 1-17

Convidados: Vida Religiosa Consagrada – CRB, Novas comunidades, Pe.

Alessandro Corazza (Vigário Episcopal para Vida Religiosa) e FAIPE

SEXTA-FEIRA (09/07) - 4º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Novenário

Pregador: Frei Emerson de Jesus O.C.D - Prior Provincial da Província de São José

Tema: São José, esposo casto da Virgem Maria, ensinai-nos a sonhar e fazer a vontade de Deus!

Evangelho: Mt 1, 18 – 25

Convidados: Vicariato Olinda - Mons. Pe. José Severino da Silva.

SÁBADO (10/07) - 5º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Novenário

Pregador: Dom Marcos Ferreira do Carmo OSB - Reitor do Santuário Nossa Senhora dos Prazeres - Jaboatão dos Guararapes - PE

Tema: São José e Nossa Senhora, família Eucarística, trazei-nos “o pão da salvação, nosso alimento”

Evangelho: Lc 2, 1- 20

Convidados: Paróquias da Província Carmelitana Pernambucana, Vicariato

Boa Viagem - Frei Joaquim Luz, O.Carm.

DOMINGO (11/07) - 6º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Novenário

Pregador: Pe. Luiz Vieira Gomes CSsR - Reitor do Santuário N. Sra. da Conceição do Morro - Recife-PE

Tema: São José, o justo, e Maria, apresentando Jesus ao Templo, dai-nos a fidelidade à Lei do Senhor!

Evangelho: Lc 2, 21 - 40

Convidados: Vicariato Jardim São Paulo - Pe. Sergio Pereira da Silva.

SEGUNDA-FEIRA (12/07) - 7º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Novenário

Pregador: Pe. Délio Mota Ferreira SDB Reitor da Basílica do Sagrado Coração - Recife - PE

Tema: São José, custódio de Maria e Jesus, guardai-nos nas perseguições da vida!

Evangelho: Mt 2, 13 – 23

Convidados: Diáconos Permanentes da AOR, Vicariato da Várzea - Pe. Sergio Monteiro Nunes, Exército, Marinha, Aeronáutica, Polícia e Corpo de Bombeiro Militar.

TERÇA-FEIRA (13/07) - 8º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Novenário

Pregador: Frei Sormani José Barbosa O.C - Prior Provincial da Província Carmelitana Pernambucana.

Tema: São José, carpinteiro de Nazaré, com a Virgem Maria, mulher humilde, ensina-nos a ser profetas e profetizas no meio do povo.

Evangelho: Mt 13, 54 – 58

Convidados: Legião de Maria, Movimentos Marianos da AOR. e Vicariato Igarassu - Pe. Hélio Nascimento

QUARTA-FEIRA (14/07) - 9º DIA DO NOVENÁRIO

18:30h - Solene Novenário

Pregador: Dom José Ruy Gonçalves Lopes O.F.M.Cap, Bispo da Diocese de Caruaru-PE

Tema: São José, esposo virginal da Virgem Maria, ajudai-nos a guardar a pureza de coração!

Evangelho: Mt 5, 1 – 12.

Convidados: Vicariato Vitória - Pe. Mauricio Roberto Diniz de Souza.

QUINTA-FEIRA (15/07) - VÉSPERAS SOLENE

18h30 - Vésperas Solene em honra à Virgem do Monte Carmelo

Tema: São José, protetor e patrono da Ordem Carmelita, ensinai-nos a edificar o templo do Senhor!

Evangelho: Jo 2, 13-25

Pregador: Dom Francisco de Sales Alencar Batista O.Carm – Bispo da Diocese de Cajazeiras - PB

Convidados: Toda a família carmelitana (frades, freiras, OTC, fraternidades,

leigos, leigas e Coral do Carmo do Recife) e Vicariato Beberibe - Mons. Pe. Rosivaldo Torres de Lima

SEXTA-FEIRA (16/07) - DIA DE NOSSA SENHORA DO CARMO

09h - Missa Solene

Presidente: Exmo. Revmo. Dom Antônio Fernando Saburido OSB - Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Olinda e Recife."

Mais Lidas