Pandemia do novo coronavírus

Lockdown funciona de verdade, defende médico brasileiro que mora na Índia; país asiático conseguiu reduzir média de casos e mortes


Na Índia, houve lockdown de verdade, com punição para quem não cumprisse toque de recolher

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 30/06/2021 às 11:00
HINDUSTAN TIMES/GETTY IMAGES
FOTO: HINDUSTAN TIMES/GETTY IMAGES
Leitura:

"Lockdown funciona de verdade", defende o médico brasileiro Francisco Paquet, que mora na Índia. No país asiático, após um sério e verdadeiro lockdown, o número de novos casos diários caiu de 450 mil para 46 mil, segundo o especialista.

"É diferente do que aconteceu no Brasil. "Toda a circulação foi restrita e toque de recolher à noite, com repressão policial e prisão imediata de três dias. De forma severa, eles conseguiram controlar a primeira onda", disse o médico em entrevista ao Passando a Limpo, da Rádio Jornal nesta quarta-feira (30).

Segundo o especialista, após a primeira onda, houve um relaxamento o que provocou o aumento de número de mortes e casos. "Mas houve novamente um lockdown. Com o lockdown de verdade, em 45 dias, os casos caíram de 450 mil casos por dia para 46 mil casos. De 4.500 mortes para 1.100 mortes. ou seja, a restrição de mobilidade funciona de verdade", comentou.

Ouça a entrevista na íntegra:


Mais Lidas