CÂNCER

GAC-PE: diagnóstico precoce do câncer infantil caiu em 29% durante pandemia de covid-19

Os principais tipos de câncer que acometem crianças e adolescentes são leucemia, os linfomas e do sistema nervoso central, neuroblastoma, retinoblastoma e osteossarcoma.

Gustavo Henrique
Gustavo Henrique
Publicado em 05/07/2021 às 11:55
GAC-PE / Divulgação
FOTO: GAC-PE / Divulgação
Leitura:

Uma pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica (SBCO) e Sociedade Brasileira de Patologia (SBP), divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), estimam que ao menos 50 mil e até 90 mil brasileiros não receberam o diagnóstico de câncer nos primeiros meses da pandemia causada pelo novo coronavírus (covid-19). Restringindo o campo ao Recife, os dados seguem congruentes. No Centro de OncoHematologia Pediátrica (CEONHPE) do Hospital Universitário Oswaldo Cruz, no bairro de Santo Amaro, 46 crianças foram diagnosticadas com câncer, 29% a menos do que no ano de 2019, onde foram identificados 65 casos.

>>>GAC-PE: paciente de 15 anos portadora de leucemia faz apelo por doação de medula óssea

>>>Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer de Pernambuco precisa de doações; veja como ajudar

A oncologista pediátrica do CEONHPE Vera Morais, também presidente do Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer - Pernambuco (GAC-PE), organização social responsável por humanizar o tratamento dos pequenos que enfrentam o câncer, explica que a queda tem relação com o isolamento social. “A suspeição dos casos de câncer diminuiu. Nós, oncologistas pediatras, deixamos de receber os casos, porque a família passou a não procurar os postos de saúde, com medo de contrair o coronavírus”, afirma.

Tipos de câncer mais comuns em crianças e diagnóstico precoce

Os principais tipos de câncer que acometem crianças e adolescentes são leucemia, os linfomas e do sistema nervoso central, neuroblastoma, retinoblastoma e osteossarcoma. Dra. Vera conta que, muitas vezes, os primeiros sintomas são confundidos com os de doenças comuns na infância, como viroses e resfriados. “É importante prestar atenção nos sinais que permanecem, como hematomas sem explicação, nódulos, caroços, cansaço extremo, palidez, perda de peso excessiva, mudança na visão e nos olhos e febre sem associação com inflamações”, pontua. “Quanto mais cedo descobrir, melhor. O diagnóstico precoce é essencial para elevar as taxas de cura”, complementa.

Para facilitar na identificação precoce do câncer, o GAC-PE, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (SES) realiza o programa Fique Atento Pode Ser Câncer. Em formato digital, profissionais e estudantes de saúde de todo estado participam de palestras de capacitação para identificar possíveis sinais e sintomas da doença.

“Identificar a doença rapidamente é o primeiro grande passo do sucesso do tratamento e pode assegurar que o resultado do tratamento seja atingido de forma eficaz”, finaliza a médica Vera Morais.

Como ajudar o GAC-PE?

As doações podem ser feitas diretamente na instituição que fica dentro do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (no 7º andar do CEONHPE).

Além das doações em espécie, o GAC-PE aceita todo tipo de doação em produtos, seja novos ou usados, desde que esteja em bom uso, pois todos os dias um bazar é realizado e a verba arrecadada é revertida para o tratamento das crianças, adolescentes e jovens assistidos pela instituição.

  • Banco Bradesco - Agência: 0286-0
    Conta Corrente: 119.122-5
    CNPJ: 02.024.876.0001-01
    Favorecido: Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – PE

  • Banco do Brasil - Agência: 0697-1
    Conta Corrente: 48974-3
    Agência: 0697-1
    Conta Corrente: 7647-3
    CNPJ: 02.024.876.0001-01
    Favorecido: Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – PE

  • Itaú - Agência: 9249
    Conta Corrente: 12859-7
    CNPJ: 02.024.876.0001-01
    Favorecido: Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – PE

  • PIX - Transfira diretamente
    Atravez do Pix
    CNPJ: 02.024.876.0001-01
    Favorecido: Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer – PE

Dúvidas e informações

Em caso de dúvidas, entre contato pelo telefone (81) 99540-8186, pelo email: impostoderenda@gac.org.br ou acesse a cartilha do GAC.

Mais Lidas