Entretenimento

Xand Avião fala sobre DJ Ivis pela primeira vez após prisão do músico por agressão contra esposa: "muito difícil"

DJ Ivis e Xand Avião trabalhavam juntos desde a época do Aviões do Forró

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 12/08/2021 às 8:15
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

O cantor Xand Avião rompeu o silêncio e falou pela primeira vez sobre o caso envolvendo seu ex-produtor musical, DJ Ivis, que foi preso em julho por agredir a esposa, na frente da filha do casal. Em entrevista ao UOL, o cantor Xand Avião explicou que Ivis era seu amigo e que o caso o pegou de surpresa. Nesta quinta-feira (11), completa-se um mês que os vídeos de Ivis agredindo Pamella Holanda foram divulgados.

"Falando como Alexandre e não como o cantor Xand Avião, para mim foi muito difícil, porque é um amigo, um cara que estava colado comigo quase 24 horas por dia. Pegou todo mundo de surpresa", disse Xand.

Na prática, trabalhando como produtor musical, entre outras atividades, Ivis era o responsável pelas letras das músicas de Xand. Agora, após demitir Ivis, Xand precisou "se reinventar" e voltar a produzir suas próprias músicas. "A gente teve que tirar a bunda da cadeira e começar a pensar, ver que existem outros caminhos. É se reinventar e provar que a turbina e o combustível do avião sou eu, modéstia à parte. Esse trabalho não tem só o meu dedo, tem meu corpo inteiro".

Xand lança a meia-noite, a nova música "Superação Digital". Ainda em agosto, ele lança o EP "Viva La Vida", que havia sido totalmente gravado antes da polêmica envolvendo Ivis e a esposa, Pamella Holanda. Na entrevista ao UOL, Xand contou que teve de regravar todo o disco para excluir as participações de Ivis.

"A maior parte delas [das músicas] eu fiz 100% [sozinho]", disse o cantor. "Digamos que eu tive que voltar a trabalhar de novo. Porque eu só chegava para cantar. O DJ cuidava de tudo e só falava: 'Xand, faça assim e assim'", lembra.

A nova rotina sem o antigo parceiro não foi fácil. "Até mesmo no ensaio a banda também estava meio desanimada, nos primeiros dias, porque eram 7 anos de convivência, de produção. Mas acho que a gente vai se acertar, sim. A vida segue e vamos em frente", comentou.

Influência de Ivis

"É lógico que no meu novo trabalho eu fiz coisas que ele faria, tentei pensar como Ivis. Não quero fugir do som que ele ajudou a criar. O que ele fez é totalmente errado, mas a obra dele a gente não pode apagar. O cara é talentosíssimo, totalmente fora da curva. Então a gente vai continuar a fazer o som porque é bom", contou Xand.

Mais Lidas