Homenagem

Missa com dom Fernando Saburido vai lembrar as vítimas de covid-19 em Pernambuco


A missa será por todas as vítimas da Covid-19, e em ação de graças pelo trabalho dos profissionais de saúde

Karina Costa Albuquerque Karina Costa Albuquerque
Karina Costa Albuquerque
Karina Costa Albuquerque
Publicado em 14/08/2021 às 14:04
Bobby Fabisak/JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

A Arquidiocese de Olinda e Recife vai promover, neste sábado (14), a celebração de uma missa por todas as vítimas da Covid-19, e em ação de graças pelo trabalho dos profissionais de saúde. A missa será presidida pelo arcebispo, dom Fernando Saburido, às 19 horas, na igreja matriz da Paróquia Santa Maria Mãe de Deus, no bairro da Macaxeira, zona norte da capital.

>> Fiocruz alerta que SRAG pode voltar a crescer; entenda o que é, relação com covid-19 e veja previsão para o seu estado

Em 2020, a Arquidiocese marcou uma missa semelhante, no pátio em frente ao cemitério de Casa Amarela. Na ocasião, a missa, celebrada por dom Fernando, foi concelebrada pelo padre Marcelo Silva, pároco de Santa Isabel, que, na época, tinha se recuperado da doença – havia passado alguns dias na UTI, inclusive.

Um ano depois, mais de 560 mil vítimas fatais no país são computadas. “Precisamos continuar rezando: pelos mortos, pelos curados, pelos profissionais que ainda correm riscos cuidando dos doentes”, comentou José Moura, paroquiano de Santa Isabel.

>> Covid-19: Recife libera cadastro para vacinação de população acima de 2 anos; saiba mais

>> O que se sabe até agora sobre vacinação contra covid-19 em crianças e adolescentes?

Cuidados com a covid-19

A capacidade segura da Igreja Matriz para a celebração é de cerca de 300 pessoas. O protocolo de distanciamento, aferição de temperatura e uso de álcool em gel vem sendo mantido em todas as celebrações.

Famílias das vítimas que moravam no bairro serão convidadas a participar das leituras e preces. Também serão convidados alguns representantes dos profissionais que trabalham no Samu e nos hospitais do Estado, para que sejam homenageados pelos paroquianos.


Mais Lidas