Recife

Veja qual o preço médio de venda de imóveis no Recife por bairro


Bairro mais caro para se comprar imóvel no Recife é Boa Viagem

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 05/10/2021 às 11:51
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

Quem quer comprar um imóvel no Recife precisa ficar atento aos valores do metro quadrado de cada bairro da cidade. Os números mais atualizados apontam que Boa Viagem, na zona sul da capital, é o bairro onde se encontra imóveis com valores mais caros. Na zona norte do Recife, o bairro do Parnamirim é o mais caro da região.

VEJA OS PREÇOS POR BAIRRO

BOA VIAGEM - R$ 7.098 /m² - +8,5%
PARNAMIRIM - R$ 6.758 /m² - +3,3%
TAMARINEIRA - R$ 6.341 /m² - +8,4%
MADALENA - R$ 6.254 /m² - +2,3%
CASA AMARELA - R$ 6.213 /m² - +7,2%
ESPINHEIRO - R$ 6.116 /m² - +12,2%
GRACAS - R$ 6.076 /m² - +5,8%
IMBIRIBEIRA - R$ 5.349 /m² - -3,0%
CAMPO GRANDE - R$ 4.462 /m² - +3,6%
CORDEIRO - R$ 3.980 /m² - -13,5%

Os números foram divulgados pelo Fipeza/Zap. O preço dos imóveis para compra seguiu avançando no mês de setembro. O valor médio de venda de imóveis residenciais em 50 cidades brasileira avaliadas apresentou elevação de 0,43% em setembro, após alta de 0,50% no último mês de agosto. Individualmente, 45 das 50 cidades monitoradas pelo índice apresentaram aumento de preço no último mês. No Recife, o mês de setembro teve uma variação de 0,33%, culminando numa alta de 2,75% no ano e 6,36% em 12 meses.

Na capital pernambucana, com base na avaliação de 19.655 anúncios, no mês a avariação do preço dos imóveis foi de 0,33%, o que levou ao preço médio de R$ 6.412 / m² no mês de setembro.

Com base na amostra de anúncios de imóveis residenciais para venda em setembro de 2021, o preço médio calculado entre as 50 cidades monitoradas pelo Índice FipeZap foi de R$ 7.768/m². Dentre as 16 capitais acompanhadas pelo índice, São Paulo apresentou o preço médio mais elevado no último mês (R$ 9.622 /m²), seguida por Rio de Janeiro (R$ 9.604/m²) e Brasília (R$ 8.544/m²).

Já entre as capitais monitoradas com menor valor médio foi de Campo Grande (R$ 4.436/m²), João Pessoa (R$ 4.766/m²) e Goiânia (R$ 4.933/m²).


Mais Lidas