Luto

Jornalistas se emocionam ao vivo ao saber da morte de Cristiana Lôbo; políticos também prestam homenagens

Cristiana Lôbo morreu nesta quinta-feira (11), vítima de um câncer raro. Apresentadores da GloboNews faziam entrevista com senador quando souberam da morte da colega

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 11/11/2021 às 11:19
Reprodução/Globo
FOTO: Reprodução/Globo
Leitura:

Jornalistas se emocionaram ao vivo ao falar sobre a morte da colega Cristiana Lôbo, de 63 anos, uma das mais competentes analistas de política do país. Lôbo estava internada no hospital Albert Einstein, em São Paulo, e foi vítima de um mieloma múltiplo.

A primeira a noticiar a morte de Cristiana Lôbo foi Leilane Neubarth, na GloboNews. As duas trabalharam juntas por cerca de 10 anos. Emocionada, Leilane prestou condolências ao viúvo, Murilo, aos filhos e netos de Cristiana.

 

Miriam Leitão e José Roberto Burnier

Miriam Leitão também se emocionou ao comentar a partida da amiga. "Esse é aquele momento em que o jornalista tem de dar a notícia, mas ele está ele mesmo envolvido. Eramos todos amigos da Cris. A conheci no impresso e lembro que ela fez uma transição tão boa para a TV. Como colega, era excelente. Atravessou toda a doença mostrnaod uma força, uma capacidade e nos ensinando a viver", disse com a voz embargada. "Estamos fazendo força porque este é o momento da homenagem. Nosso abraço aos familiares. Nosso carinho enorme. Saibam que ela foi uma grande jornalista e estamos todos consternados", acrescentou.

>>> Afastada, Cris Lôbo tranquilizou fãs e disse que voltaria a trabalhar.

Burnier explicou que os colegas da GloboNews estavam fazendo uma entrevista ao vivo com o senador Fernando Bezerra Coelho quando souberam da notícia. "A gente perdeu uma pessoa da nossa família. Era uma colega elegante, sempre muito bem humorada, com fontes extraordinárias. Lembro que cobrimos juntos a saga do ex-vice-presidente José de Alencar e ela sempre um passo adiante. É difícil porque ela lutou bravamente. Eu já lutei, sei que é uma luta complicada e eu falava muito com ela durante o tratamento e ela muito otimista. Dizendo que ia vencer e me tranquilizando. Ela me tranquilizada e não eu a ela, quando deveria ser eu a ela. Quero deixar meus votos de força para a família da Cris Lôbo. Vamos ter de atravessar esse dia difícil aqui na GloboNews", comentou.

Outros jornalistas

 
 
 
 
 
 
 

Políticos

Políticos também falam sobre Cris Lôbo.

 
 
 
 
 
 

Mais Lidas