ato de amor

Maratonista completa prova de 42km empurrando a mãe em cadeira de rodas e entra no Guinness Book


O espanhol Eric Domingo Roldan completou a maratona com a mãe que sofre de esclerose múltipla

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 11/11/2021 às 17:01
Reprodução/Instagram
FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

Um ato de amor do maratonista Eric Domingo Roldan entrou para o Guinness Book (Livro dos Recordes, em tradução livre). O motivo? Ter se tornado o atleta mais rápido a completar uma maratona empurrando uma pessoa em cadeira de rodas. Ao todo, o percurso feito pelo espanhol empurrando sua mãe, Sílvia Roldan, que é portadora de esclerose múltipla, teve 42km e foi concluído em 2h52min28s.

"Ainda não consigo acreditar que acabamos de bater o recorde mundial ao empurrar a cadeira de rodas da minha mãe numa maratona. Não tenho palavras, provavelmente é o melhor dia da minha vida. Tínhamos um sonho e realizámos. Mas, como sempre, não estamos sozinhos. Sem o apoio da nossa família, nada disso seria possível", escreveu Eric no Instagram. Veja as fotos, abaixo, do novo feito que foi para o Guinness Book:

Segunda tentativa

Em 2020, Eric Domingo Roldan chegou a realizar a mesma prova. No entanto, ele cruzou a linha de chegada acima do tempo do Guinness Book que na época era de 2h57min40s, atingido pela dupla britânica Marcus Green e Phil Rossall.

A mãe do maratonista sofre com de esclerose múltipla há 17 anos. A doença autoimune atrapalha a comunicação entre o cérebro e o corpo, em um processo chamado de desmielinização.


Mais Lidas