PANDEMIA

Pernambuco registra mais 290 casos de covid-19 e 5 óbitos

Nesta quinta-feira (11), Pernambuco anunciou novas flexibilizações no Plano de Convivência com a Covid-19

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 12/11/2021 às 13:46
Reprodução: Internet
FOTO: Reprodução: Internet
Leitura:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou mais 290 casos da covid-19. Entre os confirmados nesta sexta-feira (12), 13 (4%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 277 (96%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 635.488 casos confirmados da doença, sendo 54.738 graves e 580.750 leves.

Além disso, o Estado também contabiliza cinco óbitos, ocorridos entre 20/05/2021 e 11/11/2021. Com isso, o Estado totaliza 20.107 mortes pela Covid-19.

>> Governo autoriza 50% de público nos estádios de futebol em Pernambuco; veja qual primeiro jogo com a nova liberação

Flexibilizações

Nesta quinta-feira (11), o Governo de Pernambuco anunciou novas flexibilizações no Plano de Convivência com a Covid-19. As mudanças começam a valer a partir da próxima segunda-feira (15) e são válidas para todo o território estadual. As flexibilizações só foram permitidas graças ao atual cenário epidemiológico do Estado, que tem mostrado estabilidade nos indicadores da doença.

De acordo com a SES, na Semana Epidemiológica (SE) 44, que compreende o período entre 31 de outubro e 06 de novembro, foram notificados 368 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), o que representa diminuição de 6% em comparação à SE 43 e de 14% em relação à semana 42.

As solicitações de vagas de UTI à Central de Regulação do Estado também apresentaram redução. Segundo a SES-PE, foram 235 solicitações por leitos de terapia intensiva na SE 44, uma queda de 4% em relação às semanas 42 e 43. Um comparativo com o mesmo período do ano passado aponta uma queda de 44% nas notificações de Srag e de 53% nas solicitações por vagas de UTI.

Durante a coletiva de imprensa realizada nesta quinta, foi anunciado o fim da exigência do distanciamento de um metro entre as bancas escolares, a liberação para a temporada de cruzeiros 2021/2022 no Recife e no Arquipélago de Fernando de Noronha, o fim da obrigatoriedade da aferição de temperatura nas entradas dos estabelecimentos, além da ampliação de torcida nos estádios de futebol para até 50% da capacidade do local.

Mais Lidas