Pagamento

AUXÍLIO BRASIL: Parcela extra do Bolsa Família é liberada; confira agora as últimas notícias

O valor extra acabou sendo liberado por até 9 meses

Maria Luísa Fernandes
Maria Luísa Fernandes
Publicado em 05/05/2022 às 18:06
Notícia
Reprodução/ PixaBay
Parcela extra do Bolsa Família é liberada - FOTO: Reprodução/ PixaBay
Leitura:

O Auxílio Brasil acabou sendo criado no final de 2021 com o objetivo de substituir o Bolsa Família. Agora, o projeto está conseguindo beneficiar mais de 18 milhões de famílias desde a sua criação.

Atualmente, o valor mínimo do benefício está chegando em R$ 400, mas pode aumentar durante nove meses. Isso acontece porque, junto ao programa Auxílio Brasil, o Ministério da Cidadania ainda libera o Benefício Composição Gestante (BCG).

.

BENEFÍCIO COMPOSIÇÃO GESTANTE (BCG)

O maior objetivo desse benefício é aumentar a proteção das mães e bebês ao longo da gestação, realizando o pagamento de R$ 65 durante nove meses, sem levar em conta o estágio da gravidez ou se o pré-natal já foi iniciado.

Confira também: AUXÍLIO BRASIL: Confira datas de pagamento no mês de maio e quem pode receber

Vale lembrar que a seleção das gestantes será feita automaticamente, com ajuda do Mistério da Saúde. Serão utilizados os dados do Sistema Único de Saúde (SUS), que contém muitas informações relacionadas ás gestantes.

QUEM TEM DIREITO À PARCELA EXTA DO AUXÍLIO BRASIL?

As gestantes que tem o direito a parcela extra do Auxílio Brasil são aquelas que estão registradas no pré-natal da rede de saúde ou no Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica.

Veja também: AUXÍLIO BRASIL: saiba quando recebe pagamento de R$ 400 ou R$ 600; veja calendário do Bolsa Família 2022

Além disso, a gestante ainda precisa integrar uma família que possui uma renda per capita mensal inferior à linha da pobreza, ou seja, menor que R$ 105,01.

Confira também: 

Comentários

Mais Lidas