Ciência

Cientistas registram primeira foto de buraco negro no centro da Via Láctea

A imagem se tornou a mais nítida já tirada de um buraco negro

Maria Luísa Fernandes
Maria Luísa Fernandes
Publicado em 12/05/2022 às 14:24 | Atualizado em 12/05/2022 às 19:53
Notícia
Reprodução/YouTube
Imagem registrada de um buraco negro - FOTO: Reprodução/YouTube
Leitura:

Nesta quinta-feira (12), os cientistas do projeto Event Horizon Telescope (EHT) conseguiram registrar a imagem mais nítida já realizada de um buraco negro no meio da Via Láctea, galáxia onde fica localizado o Sistema Solar, no nosso planeta Terra.

IMAGEM REGISTRADA DE UM BURACO NEGRO

O buraco negro chegou a ser batizado como "Sagitário A*" e sua imagem foi divulgada nesta quinta-feira (12), no evento internacional com cientistas do EHT e também do Observatório Europeu do Sul (ESO).

"Ficamos impressionados em como o tamanho do anel [buraco negro] está de acordo com as previsões da Teoria da Relatividade Geral de Einstein", comentou o cientista Geoffrey Bower, do projeto EHT.

"Essas observações sem precedentes têm melhorado nossa compreensão sobre o que aconteceu no centro de nossa galáxia e oferece novos entendimentos de como estes buracos negros interagem com seus arredores", continuou o cientista.

Confira a imagem: 

.

Reprodução/ EHT
imagem mais nítida registrada de um buraco negro - Reprodução/ EHT

POR QUE A IMAGEM DO BURACO NEGRO PARECE BORRADA?

Para aqueles que não acompanham de perto a astronomia, a imagem divulgada do buraco negro pode aparentar ser um pouco esquisita e até mesmo borrada.

O registro com aparência borrada acontece porque a "foto" foi um resultado de milhares de captações feitas, como diferentes orientações de movimentação do buraco negro e a mudança dos pontos brilhantes.

Chi-Kwan Chan, cientista EHT, chegou a comentar sobre a imagem com a agência de notícias AFP. "É como se você quisesse tirar uma foto nítida de um cachorro que quer pegar seu rabo", disse.

O QUE É UM BURACO NEGRO?

O buraco negro é uma região de espaço-tempo em que o campo gravitacional se torna tão intenso que nenhuma partícula ou radiação eletromagnética, como a luz, pode escapar.

Comentários

Mais Lidas