Crise na Petrobras

José Mauro Coelho pede demissão da presidência da Petrobras, em meio à crise por causa de aumentos na gasolina e no diesel

Presidente da Petrobras cai, após novo aumento nos combustíveis

Gabriel dos Santos
Gabriel dos Santos
Publicado em 20/06/2022 às 10:10 | Atualizado em 20/06/2022 às 10:19
Notícia
JEFFERSON RUDY/AGÊNCIA SENADO
DEMITIDO Coelho é o terceiro presidente da Petrobras a ser fritado no governo Bolsonaro - FOTO: JEFFERSON RUDY/AGÊNCIA SENADO
Leitura:

O presidente da Petrobras, José Mauro Coelho, pediu demissão. A informação foi anunciada na manhã desta segunda-feira (20).

Presidente interino

"A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora", informou a Petrobras em comunicado publicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

.

Crise na Petrobras

O pedido de demissão de José Mauro Coelho acontece dois dias após um novo aumento no preço dos combustíveis. O valor alto da gasolina e do diesel tem sido considerado um dos principais calos no sapato do governo federal. 

Com consequentes aumentos nos combustíveis - baseados na política de preços da Petrobras, que leva em consideração o valor da comercialização internacional -, o governo de Bolsonaro tem sido criticado pela população. 

Em ano de eleição, Bolsonaro tenta barrar os aumentos dos preços para evitar diminuição da popularidade, mas a política de preços, atualmente, mostra que seria insustentável o não aumento no valor dos combustíveis. 

Comentários

Mais Lidas