SALÁRIO

PISO ENFERMAGEM foi aprovado HOJE (4)? Veja últimas notícias do PISO SALARIAL ENFERMAGEM e se Bolsonaro assinou o PL 2564

Bolsonaro vai sancionar o piso enfermagem hoje (4)? Confira

Fernanda Cysneiros
Fernanda Cysneiros
Publicado em 04/08/2022 às 11:26 | Atualizado em 04/08/2022 às 12:08
Notícia
DIVULGAÇÃO/ ENFERMAGEM SENAC
piso nacional enfermagem; piso salarial enfermagem; piso enfermagem - FOTO: DIVULGAÇÃO/ ENFERMAGEM SENAC
Leitura:

A proposta de um novo piso enfermagem para os profissionais da área passa por novas definições nesta quinta-feira (4).

Isso porque o presidente Jair Bolsonaro (PL) informou à CNN que irá sancionar o novo piso enfermagem hoje (4), na cerimônia que irá ocorrer no Palácio do Planalto de São Paulo.

Vale lembrar que o piso salarial enfermagem proposto institui um salário mínimo de R$ 4.750 para os enfermeiros.

Além disso, novas quantias também foram estabelecidas para técnicos de enfermagem (R$ 3.325), auxiliares de enfermagem (R$ 2.375) e parteiras (R$ 2.375).

Veja se o piso enfermagem foi aprovado e confira últimas notícias sobre a PEC enfermagem.

  • Piso enfermagem;
  • Piso salarial enfermagem;
  • PEC enfermagem;
  • PL 2564;
  • Piso enfermagem hoje;
  • Bolsonaro assinou o piso enfermagem;
  • Bolsonaro vai sancionar o piso enfermagem;
  • Piso enfermagem aprovado;
  • Presidente sanciona piso da enfermagem;
  • PEC enfermagem o que falta.

>>> BOLSONARO SANCIONOU O PISO SALARIAL DA ENFERMAGEM? Clique aqui e confira.

PISO ENFERMAGEM

O PL 2564, do ano de 2020, foi criado pelo senador Fabiano Contarato (PT-ES) com o objetivo de aumentar o valor do piso salarial da enfermagem.

Desde a sua divulgação, os profissionais da área desejam saber se a PEC enfermagem foi aprovada.

PISO SALARIAL ENFERMAGEM

O piso salarial enfermagem foi aprovado por ampla maioria na Câmara dos Deputados e no Senado.

Cabe aqui ressaltar que essa conquista vem sido buscada após anos de luta histórica por parte da categoria. 

PL 2564

Como foi citado anteriormente, a PL 2564 institui um salário mínimo de R$ 4.750 para os enfermeiros.

A proposta também define novos pagamentos para auxiliares de enfermagem (R$ 2.375), parteiras (R$ 2.375) e técnicos de enfermagem (R$ 3.325).

PISO ENFERMAGEM HOJE (4)

Nesta quarta-feira (4), Bolsonaro deve sancionar o piso salarial enfermagem.

A PEC enfermagem não foi encaminhada para a sanção de Bolsonaro após a aprovação no Senado, porque não havia sido informada a fonte dos recursos.

A situação foi contornada com a aprovação da PEC 11/2022, da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA).

PISO ENFERMAGEM APROVADO

De acordo com informações do Brasil de Fato, a sanção do piso enfermagem deve ser acompanhada por um veto em algum dos artigos.

O Planalto estuda vetar o artigo 15-D, que atualiza o piso com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). 

BOLSONARO ASSINOU O PISO ENFERMAGEM

Para os que desejam saber se Bolsonaro vai sancionar o piso enfermagem, a resposta é simples: o PL 2564 deve ser analisado por ele nesta quinta, por volta das 17h.

Caso Bolsonaro vete algum dos artigos, o PL 2564 será reavaliado pelo Congresso Nacional, que tem o poder de concordar com o veto ou não.

Se o presidente se recusar a sancionar qualquer Projeto de Lei, o texto acaba sendo aprovado automaticamente.

PEC ENFERMAGEM O QUE FALTA

A sanção de Jair Bolsonaro (PL) é o que falta para o piso salarial enfermagem ser aprovado.

Se o piso salarial enfermagem for sancionado hoje (4), a União, os estados e municípios terão até o fim deste ano para estruturar os novos salários.

 

Comentários

Mais Lidas