Jô Soares morreu nesta sexta-feira (5), aos 84 anos. O apresentador, ator, dramaturgo e escritor teve 60 anos de carreira dedicados ao entretenimento.

Apesar de ser querido por grande parte do meio artístico e da legião de fãs que assistia aos seus programas, Jô Soares também tinha desavenças.

No entanto, é importante salientar que o apresentador, humorista, ator, diretor e escritor colecionou mais amigos que desavenças.

Um dos desafetos é Osmar Prado. O ator, que está na novela Pantanal, disse em entrevista à revista Quem, em 2009, que não falava com Jô Soares desde 2001

"Não gostaria de ir ao programa. Não iria dar certo Não voltei a falar mais com o Jô. Ele é uma pessoa muito vaidosa", comentou Osmar Prado há algum tempo.

Outra pessoa que supostamente não tinha muita afinidade com Soares, era o também humorista, Chico Anysio, falecido em 2012.

"Quando eu voltei para a Globo para fazer programa de entrevista, criou uma certa ciumeira, ele falou que não ia me dar em entrevista", disse o próprio Jô Soares ao programa 'Conversa com Bial', em 2018.

Por último, talvez não seja bem um desentendimento com uma pessoa em particular, mas Jô Soares ficou muito triste quando saiu da TV, em 2015.

Nesta sexta-feira (5), o diretor Nilton Travesso revelou que o apresentador ficou muito triste quando saiu da televisão, em 2015.

"Tenho certeza de que, quando ele foi afastado da televisão, ali começou uma nova etapa da vida do Jô. Não acho que tenha sido leal a tudo o que aconteceu com ele", contextualizou Travesso.

"Merecia muito mais do que aconteceu com ele nos últimos anos. É uma tristeza, mas acho mesmo que o afastamento dele da televisão deu um certo desânimo", comentou o também produtor.

Relembre a participação de Fábio Porchat no Programa do Jô, há 20 anos.

Ler mais

Veja quem eram os melhores amigos de Jô Soares na TV.

Ler mais

Veja as principais notícias do dia na Rádio Jornal

IR PARA RADIOJORNAL.COM.BR
>

Gostou do conteúdo?

ver mais webstories