DESFILE DAS CAMPEÃS

DESFILE DAS CAMPEÃS RJ: Confira onde assistir e horário do Desfile das campeãs 2022 RJ ao vivo, sábado, 30/04

Junto da Grande Rio, outras cinco alegorias desfilam neste sábado (30), no Sambódromo da Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro

Pedro Lima
Pedro Lima
Publicado em 30/04/2022 às 18:08
Notícia
MARCO ANTONIO TEIXEIRA/RIOTUR
No Rio, a favorita é a Acadêmicos do Grande Rio, sediada em Duque de Caxias - FOTO: MARCO ANTONIO TEIXEIRA/RIOTUR
Leitura:

Após dois dias de muitas emoções com todas as escolas de samba do Rio de Janeiro, chegou a hora da escola campeã, a Grande Rio, fazer um desfile mais leve e sem a responsabilidade da nota. O troféu já está na sede, em Duque de Caxias.

Junto da Grande Rio, outras cinco alegorias desfilam neste sábado (30), no Sambódromo da Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro.

 .

Reprodução/ Instagram
Desfile da escola de samba "Acadêmicos do Grande Rio" - Reprodução/ Instagram

QUAIS ESCOLAS ESTÃO NO DESFILE DAS CAMPEÃS

Hoje, sábado, 30 de abril, as seis primeiras colocadas do Grupo Especial irão desfilar no Sambódromo.

Antes delas, às 19h30, haverá a apresentação da Embaixadores da Alegria, como convidada especial. Essa é a primeira escola de samba voltada às pessoas com deficiência.

Além da Grande Rio, as cinco escolas seguintes irão desfilar na noite de hoje, veja quem são:

  • Beija-Flor de Nilópolis (2º lugar)
  • Unidos do Viradouro (3º lugar)
  • Unidos de Vila Isabel (4º lugar)
  • Portela (5º lugar)
  • Acadêmicos do Salgueiro (6º lugar)

.

ONDE ASSISTIR O DESFILE DAS CAMPEÃS 2022 RJ

A Rede Globo é detentora dos direitos de imagem das escolas de samba do Rio de Janeiro. A emissora vai transmitir o desfile das campeãs RJ ao vivo através do g1. A passagem das agremiações também será transmitida pelo Multishow (TV fechada), a partir das 21h15.

A apresentação ficará pela responsabilidade de Milton Cunha, Laura Vicente, Lucinha Nobre, Mari Gonzalez e Pedroca Monteiro.

Ainda contarão com as atrizes Cacau Protásio e Isabelle Marques para completar o time. As artistas vão interpretar os personagens Terezinha, do humorístico "Vai Que Cola", e Briti, do "Tô de Graça".

A ordem de apresentação das escolas de samba será inversa à colocação da apuração, confira como ficaram os horários

  • Às 21h30: Acadêmicos do Salgueiro (6º lugar)
  • Entre 22h30 e 22h40: Portela (5º lugar)
  • Entre 23h30 e 23h50: Unidos de Vila Isabel (4º lugar)
  • Entre 0h30 e 1h: Unidos do Viradouro (3º lugar)
  • Entre 1h30 e 2h10: Beija-Flor de Nilópolis (2º lugar)
  • Entre 2h30 e 3h20: Acadêmicos do Grande Rio (1º lugar)

A CAMPEÃ GRANDE RIO

Após 33 anos de história, a Grande Rio venceu pela primeira vez o Grupo Especial do carnaval do RJ. A escola da Baixada Fluminense homenageou a divindade de Exu, com o objetivo de desconstruir os estereótipos negativos que a ele foram atribuídos devido ao processo de racismo religioso presente no Brasil.

 

GABRIEL MONTEIRO/RioTur
'Fala, Majeté! Sete chaves de Exu', enredo da Grande Rio - GABRIEL MONTEIRO/RioTur

Além disso, a escola mostrou que o orixá está ligado à transformação, que contou a história de figuras excluídas, a exemplo do Bispo do Rosário, Estamira e Stela do Patrocínio.

Diversas celebridades passaram na avenida, como Monique Alfradique, Bianca Andrade, Pocah, David Brazil, Gil do Vigor e a rainha de bateria Paola Oliveira.

Reprodução/Instagram
Paolla Oliveira é rainha de bateria da Grande Rio - Reprodução/Instagram

 CONFIRA O SAMBA-ENREDO DA GRANDE RIO

Boa noite, moça; Boa noite, moço!
Aqui na terra é o nosso templo de fé
Fala, Majeté!
Faísca da cabaça de Igbá
Na gira
Bombogira, Aluvaiá!

Num mar de dendê
Caboclo, andarilho, mensageiro
Das mãos que riscam pemba no terreiro
Renasce Palmares, Zumbi Agbá!

Exu! O Ifá nas entrelinhas dos Odus
Preceitos, fundamentos, Olobé
Prepara o padê pro meu axé

Exu Caveira, Sete Saias, Catacumba
É no toque da macumba, saravá, alafiá!
Seu Zé, malandro da encruzilhada
Padilha da saia rodada, Ê Mojubá!

Sou Capa Preta, Tiriri, sou Tranca Rua
Amei o Sol, amei a Lua, Marabô, alafiá!
Eu sou do carteado e da quebrada
Sou do fogo e gargalhada, ê Mojubá!

Ô, luar, ô, luar, catiço reinando na segunda-feira
Ô, luar, dobra o surdo de terceira
Pra saudar os guardiões da favela
Eu sou da Lira e meu bloco é sentinela
Laroyê, laroyê, laroyê!

É poesia na escola e no sertão
A voz do povo, profeta das ruas
Tantas Estamiras desse chão
Laroyê, laroyê, laroyê!

As sete chaves vêm abrir meu caminhar
À meia-noite ou no Sol do alvorecer
Pra confirmar

Adakê Exu! Exu, ê, Odará
Ê Bará ô, Elegbará!
Lá na encruza, a esperança acendeu
Firmei o ponto, Grande Rio sou eu!

Adakê Exu! Exu, ê, Odará
Ê Bará ô, Elegbará!
Lá na encruza, onde a flor nasceu raiz
Eu levo fé nesse povo que diz

 

Comentários

Mais Lidas