LUVA DE PEDREIRO

LUVA DE PEDREIRO: Allan Jesus, empresário de Iran Ferreira, recebia porcentagem de lucros absurda; confira

Portal teve acesso às porcentagens da ASJ Consultoria, empresa de Allan

Pedro Lima
Pedro Lima
Publicado em 25/06/2022 às 13:57 | Atualizado em 25/06/2022 às 14:02
Notícia
Instagram/Reprodução
Empresário de Luva de Pedreiro (D), Allan Jesus (E) é o responsável pelo gerenciamento da carreira do influenciador - FOTO: Instagram/Reprodução
Leitura:

Após externar, através de uma Live no Instagram, que está cansado. Iran Ferreira, mais conhecido como Luva de Pedreiro, já está em uma nova equipe de gestão de carreira.

A insatisfação com Allan Jesus veio à público ao longo dessa semana. O caso foi se aprofundando e até a conta bancária do influenciador digital foi revelada.

O colunista Leo Dias, do Metrópoles, apurou que o jovem possuía apenas R$ 7.500 em duas contas bancárias. Valor muito abaixo dos contratos do Luva.

.

Participação no faturamento

De acordo com o Futt Mais, Iran não ficava nem com metade do orçamento dos contratos que fechava.

O portal teve acesso às porcentagens da ASJ Consultoria, empresa de Allan. A participação seria 45% para Allan Jesus; 45% para Luva de Pedreiro; 10% para Victor Melo, influenciador.

Até o fechamento desta matéria, nenhuma das partes explicou o porquê Victor Melo também arrecada lucro com esta parceria.

.

DIVULGAÇÃO/ FUTT MAIS
Contrato de Iran Ferreira (Luva de Pedreiro) com Victor Melo e Allan Jesus - DIVULGAÇÃO/ FUTT MAIS

Leia o comunicado oficial de Allan Jesus:

“É com absoluta perplexidade e profundo lamento que a ASJ Consultoria, empresa com vasta expertise no segmento de marketing esportivo, recebe algumas notícias publicadas na imprensa – que infelizmente destacam informações levianas, apuradas de forma seletiva, sem compromisso algum com a verdade dos fatos.

ASJ e Luva de Pedreiro, com uma trajetória de sucesso até aqui, possuem contrato com vigência até o ano de 2026. Se alguma das partes desejar efetivamente rescindir o contrato vigente, além de respeitar a forma acordada para tanto, deverá comunicar a outra oficialmente de sua decisão.

.

Até o presente momento, a ASJ não recebeu qualquer comunicação formal e/ou notificação a respeito de eventual tentativa de rescisão do Luva de Pedreiro. A única coisa que temos são indícios espalhados pela internet e notícias que dariam conta de um suposto novo agenciamento, o que em tese poderia configurar quebra de exclusividade.

De qualquer modo, instado a se manifestar ou demonstrar a regularidade de seus atos, a ASJ o fará com muita tranquilidade, abrindo a quem de direito todos os contratos, documentos, extratos e o que mais for necessário. Por fim, manifestamos nossa certeza e convicção de que a verdade, como sempre, prevalecerá”, finaliza.

Comentários

Mais Lidas