TRAGÉDIA

Torcedor do Sport espancado na final do pernambucano morre no HR


Márcio Roberto Cavalcante da Silva, de 36 anos, teve a morte confirmada nesta sexta-feira.

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 24/06/2016 às 11:15
Leitura:
Partida aconteceu no Estádio do Arruda. Foto: reprodução/Blog de Jamildo


O torcedor do Sport Márcio Roberto Cavalcante da Silva, de 36 anos, morreu nesta sexta-feira (24) no Hospital da Restauração, no bairro do Derby, área central do Recife. Ele estava internado no local desde 4 de maio, após ter sido espancado por torcedores do Santa Cruz no final do clássico entre Santa e Sport, no estádio do Arruda. O corpo do torcedor será sepultado neste sábado no Cemitério de Guadalupe na cidade de Olinda.

À época, a família prestou queixa no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), mas até o momento não há informações quanto aos autores do crime.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

LEIA TAMBÉM: Agressões e vandalismo marcam Clássico das Multidões

Torcedor morre atingido por vaso sanitário ao sair do estádio do Arruda

Réus acusados de arremessar vaso sanitário em torcedor no Arruda são condenados a mais de 20 anos de prisão

Márcio Roberto, que estava com a camisa do Sport, foi encontrado inconsciente com um corte profundo na nuca, depois de encontro com um grupo de tricolores. O torcedor Everaldo Lopes, amigo de Márcio, faz um desabafo e pede providências aos Estado. “As autoridades precisam tomar ciência do que está acontecendo. Meu amigo é mais uma vítima dessa violência nojenta”, diz. “Hoje é mais uma mãe sofrendo por causa desses bandidos”, completa.


Mais Lidas