ALÍVIO

Após quatro dias, Linha Centro do metrô volta a operar com normalidade


A paralisação da Linha Centro aconteceu devido ao rompimento de um cabo no interior de um conector da rede aérea, no domingo (14)

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 18/07/2019 às 13:30
Felipe Ribeiro/ JC Imagem
FOTO: Felipe Ribeiro/ JC Imagem
Leitura:

A Linha Centro do metrô do Recife voltou a funcionar na manhã desta quinta-feira (18), após quatro dias de transtornos. De acordo com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), a operação foi normalizada às 8h40. No último domingo (14) um rompimento nos cabos de energia paralisou o sistema. As linhas Sul e Diesel não foram afetadas pelo problema.

Por conta do problema, as estações que compõem a Linha Centro ficaram fechadas durante quatro dias e o Grande Recife Consórcio de Transporte reforçou as linhas de ônibus que seguiam em direção ao Centro do Recife.

A Linha Centro é composta por dois ramais, sendo eles Camaragibe e Jaboatão, além de 19 estações. São elas: Recife, Joana Bezerra, Afogados, Ipiranga, Mangueira, Santa Luzia, Werneck, Barro, Tejipió, Coqueiral, Alto do Céu, Curado, Rodoviária, Cosme e Damião, Camaragibe, Cavaleiro, Floriano, Engenho Velho e Jaboatão.

Problema

A paralisação da Linha Centro aconteceu devido ao rompimento de um cabo que fica no interior de um conector da rede aérea, o que provocou o rebaixamento da rede, impossibilitando a operação. O problema aconteceu durante a viagem de inspeção para a liberação da via para iniciar a operação do domingo. Quando o trem de inspeção passou, o cabo rompeu e provocou danos em um quilômetro de cabos do sistema que alimenta os trens, gerando a interrupção da circulação.

Durante esses quatro dias, os passageiros ficaram na dependência dos ônibus que foram insuficientes para atender ao aumento repentino da demanda. Apesar do reforço das linhas, passageiros de Jaboatão dos Guararapes e de Camaragibe relataram dificuldades para embarcar e desorganização nos terminais.


Mais Lidas