OBRAS

Obras do canal do Fragoso só devem ser finalizadas em 2022


A primeira fase da obra deve ser concluída em janeiro no ano que vem

Pedro Guilhermino Alves Neto
Pedro Guilhermino Alves Neto
Publicado em 31/07/2019 às 11:08
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
FOTO: Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Leitura:

Uma semana após as chuvas que atingiram a Região Metropolitana do Recife (RMR) e que acabou matando 12 pessoas, sendo quatro em Olinda nos bairros de Águas Compridas e Passarinho, o canal do Fragoso continua em obras desde 2013. O canal vem causando transtorno para moradores dos bairros Casa Caiada, Jardim Fragoso, Jardim Atlântico e Bairro Novo.

Enquanto a obra não é concluída, os moradores estão passando por várias dificuldades. O presidente estadual da Companhia de Habitação, Bruno Lisboa, explica como estão os andamentos das obras e qual o prazo de conclusão.

“Essa primeira etapa nós vamos entregar os primeiros 2,5 km até janeiro de 2020. A segunda etapa começa a partir do dia 30 de agosto. O processo de desapropriação de imóveis retardou as obras, mas elas já estão ‘ok’ e estamos no processo de demolição dos últimos 12 imóveis”, afirmou.

Confira os detalhes na matéria de Juliana Oliveira:

Nesta quarta-feira (31), máquinas estavam trabalhando no local. Bruno Lisboa explica o serviço que estava sendo feito.

“A gente acabou de finalizar uma demolição de um posto e também aproveitamos para fazer uma limpeza no canal, após as fortes chuvas que atingiram a cidade. Estamos trabalhando com cerca de 40 homens na construção da ponte 2. Entregaremos a obra em janeiro de 2020”, disse o presidente.

Sobre uma possibilidade de haver outra forte chuva, como aconteceu na última semana, Bruno explicou como eles estão se preparando.

“Nós estamos fazendo a obra para minimizar os problemas de enchente na região. Essa é uma obra que vai se estender e tem o prazo final, até a ponte do Janga, em Paulista, em 2022. Esta primeira etapa já minimiza, mas só soluciona com a finalização total da obra”, completou.


Mais Lidas