CRÉDITO

Saiba como fica o pagamento do auxílio emergencial para pessoas sem contas bancárias


O auxílio emergencial tem um valor de R$ 600

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 14/04/2020 às 17:11
Marcello Casal Jr./ABr
FOTO: Marcello Casal Jr./ABr
Leitura:

A Caixa Econômica Federal iniciou, nesta terça-feira (14) do auxílio emergencial de R$ 600, para pessoas inseridas no Cadastro Único (CadÚnico) até o dia 20 de março de 2020, que não têm contas bancárias e que não são beneficiárias do Programa Bolsa Família. O dinheiro está sendo fornecido para trabalhadores autônomos, informais e microempreendedores individuais (MEIs) devido à pandemia do novo coronavírus.

A superintendente de Varejo da Caixa da Região Nordeste, Simone Nunes, concedeu entrevista ao Rádio Livre para tirar dúvidas. Confira:

Os beneficiados precisam ir até alguma agência bancária?

Simone Nunes: Não tem nenhum atendimento do auxílio emergencial que necessite ser feito nas agências bancárias. De um modo geral, o cidadão no aplicativo Caixa Auxilio Emergencial, apenas com o número do CPF ele pode informar se ele tiver uma conta individual na Caixa ou no Banco do Brasil para receber direto nessa conta.

Não tenho conta em nenhum banco. E agora?

Simone Nunes: A Caixa está fazendo abertura do que estamos chamando de Poupança Digital’ (...) Atendendo às exigências do Ministério da Cidadania, a Caixa abre a gratuitamente e automaticamente uma poupança digital onde ele pode fazer toda transação eletrônica.

O que significa quando o interessado recebe a mensagem “Em análise” sobre pedido do auxílio emergencial?

Simone Nunes: A seleção para o programa do auxílio emergencial é feito pelo Ministério da Cidadania que verifica os critérios de elegibilidade (...) A gente tem monitorado nos sistemas da Caixa e em até cinco dias ele está dando retorno. O cidadão pode ligar para o 111, que é de atendimento do Ministério da Cidadania, onde eles esclarecem quais características o cidadão precisa ter para receber o auxílio (...) Ele tem até cinco dias para receber o retorno.

É possível receber menos de R$ 600?

SM: O auxílio emergencial é de R$ 6000. Não é possível ser pago valor menor. Inclusive, nenhum banco está cobrando nada. Por exemplo, uma pessoa que tem direito ao auxílio emergencial mas está com uma dívida na conta, ela não vai receber menos por conta dessa dívida. A gente não vai fazer nenhuma cobrança.

O aplicativo havia informado a aprovação do auxílio, mas voltou a aparecer a mensagem “Em análise”. O que pode ter acontecido?

SM: O Ministério da Cidadania, na semana passada, creditou o auxílio emergencial para mais de 2,5 milhões de brasileiros. Essas pessoas estavam inicialmente na relação da Dataprev, a Caixa fez o pagamento do auxílio emergencial, mas o Ministério da Cidadania está fazendo constantemente a análise dos pré-requisitos para ver se essa pessoa realmente cumpre as exigências. Pode ter acontecido de alguma questão ter sido verificada onde a pessoa não faria jus ao auxílio e esse valor ter sido cancelado.

Não estou cadastrado no CadÚnico. E agora?

SM: Esse pagamento é para cidadão brasileiro que está cadastrado no Cadastro Único do Governo Federal até o dia 20 de março. Ele baixa o aplicativo Caixa Auxílio Emergencial, faz o cadastramento dele e a gente encaminha esses dados para o Ministério da Cidadania fazer a análise.

Como funciona o pagamento pelo mês de aniversário para pessoas que não têm conta na Caixa, BB ou não são beneficiárias do Bolsa Família?

SM: Esse é o maior pagamento da história da Caixa. A gente escalonou de forma que hoje, a partir do meio-dia, começou a efetuar os créditos para as pessoas que não têm conta na Caixa, no Banco do Brasil e não são beneficiárias do Bolsa Família (...) As pessoas nascidas no mês de janeiro começaram a receber hoje. Amanhã, as pessoas nascidas nos meses de fevereiro, março e abril recebem. Até a sexta-feira, onde a gente faz o pagamento até o mês de dezembro. São mais de 9 milhões de brasileiros que vão receber através dessa conta Poupança Digital.

Quando o beneficiário do Bolsa Família irá receber o auxílio emergencial?

SM: O beneficiário do Bolsa Família vai receber junto com o benefício no calendário. A partir de quinta-feira (16), as pessoas que têm, por exemplo, o cartão com o final do dígito 1 vão receber.

É possível sacar o valor depositado na Poupança Digital?

SM: Esse valor, neste momento, está sendo creditado e todas as transações são eletrônicas. A Caixa tem se preocupado bastante com as pessoas para que a gente não tenha aglomeração, as pessoas não tenham que ir a nenhuma agência. Elas podem fazer todas as transações pela internet (...) Se você precisa, de todo jeito, do dinheiro fala com alguém da família que tenha uma conta já aberta, com cartão e senha, e transfere para essa conta (...) A Caixa vai viabilizar, a partir do dia 27 de abril, o saque dessas contas digitais.


Mais Lidas