solidariedade

Instituto JCPM doa cestas básicas a moradores de palafitas do Recife


As entregas das doações foram feitas pelo Instituto JCPM nesta sexta-feira e centenas de famílias foram beneficiadas

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 26/06/2020 às 14:41
Bruno Campos/ JC Imagem
FOTO: Bruno Campos/ JC Imagem
Leitura:

Uma ação do Instituto JCPM de compromisso social distribuiu, nesta sexta-feira (26), 400 cestas básicas a os moradores de palafitas das comunidades do Bode, do S e de Brasília Teimosa, na Zona Sul do Recife. São locais onde há muitos idosos, crianças e mulheres grávidas.

Foi preciso uma força-tarefa para carregar as cestas básicas e os kits de limpeza. Um barco grande e três baiteiras conduzidos por pescadores voluntários da Colônia Z1 de Brasília Teimosa levaram as doações para os moradores de palafitas das comunidades.

Gente que já vive em condições precárias e, com a pandemia, tudo ficou ainda pior. A presidente da Colônia Z1, Sandra Lima, conhece bem a realidade dessas pessoas. “Muita gente está passando grande dificuldade porque não está podendo vender seus produtos porque os mercados estão fechados”, comentou.

Uma das beneficiadas pelas doações feitas pelo Instituto JCPM, a balconista Mayara Lourenço, trabalhava em um restaurante que fechou. Ela vive apenas com o filho e tem passado por momentos difíceis. “O auxílio e as cestas têm ganhando é o que tem ajudado a gente. Chegou em boa hora. Graças a Deus”, disse.

A ação faz parte do projeto Todos pela Comunidade do Instituto JCPM de Compromisso Social, que durante a pandemia, tem amparado os moradores desses locais, como detalha a coordenadora e desenvolvimento social do Instituto, Fábia Siqueira. “Já estamos na segunda distribuição. Até agora já foram 800 cestas e, ao todo, nas comunidades que atendemos, Brasília Teimosa, Pina e Ilha de Deus já chegamos a quase 9 mil cestas”, contou.


Mais Lidas