PANDEMIA

Donos de bares e restaurantes realizam carreata para cobrar volta das atividades em Pernambuco


Em Pernambuco, os bares e restaurantes estão há quase 120 dias com funcionamento afetado por conta da pandemia

Atualizada às 16h09
Atualizada às 16h09
Publicado em 09/07/2020 às 14:30
Ed Vieira/ JC
FOTO: Ed Vieira/ JC
Leitura:

Os donos de bares e restaurantes realizaram uma carreata nesta quinta-feira (9) cobrando ao Governo do Estado uma data para reabertura dos estabelecimentos em Pernambuco. A manifestação saiu da Praça de Casa Forte, na Zona Sul do Recife, e seguiu em direção ao Palácio do Campo das Princesas, no bairro de Santo Antônio, na área central da capital pernambucana.

Os estabelecimentos estão fechados para público há quase 120 dias. O presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Pernambuco (Abrasel-PE), André Araújo, contou que o objetivo do movimento era entregar uma carta ao governador Paulo Câmara pedindo a reabertura imediata e disse que está quase insustentável manter os negócios, mesmo que alguns tenham aderido ao formato delivery.

O movimento é formado pelo grupo independente de bares e restaurantes de Pernambuco; pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes– Abrasel/PE e pelo Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Bares e Restaurantes do Recife – Sintrah/PE, além dos representantes dos segmentos de cafés, lanchonetes, padarias e praças de alimentação de shopping centers.

De acordo com a Abrasel, dos 240 mil funcionários que trabalhavam no setor antes da pandemia, cerca de 50 mil já foram demitidos.

O grupo foi em direção ao Palácio do Campo das Princesas, onde foi recebido pelo secretário executivo da Casa Civil, Eduardo Figueiredo, para entrega do documento que pede pela volta das atividades.

Resposta

Sobre o protesto, antes da reunião, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico disse, por meio de nota, que o Governo do Estado irá se pronunciar no fim da tarde desta quinta-feira durante a coletiva de imprensa.

Em nota, a Casa Civil lembrou que a reabertura do setor está prevista na sexta etapa do Plano de Convivência com a covid-19.

Confira:

"O Governo de Pernambuco informa que representantes da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel- PE) foram recebidos nesta quinta-feira (09) pelo secretário-executivo de Articulação e Acompanhamento da Casa Civil, Eduardo Figueiredo, no Palácio do Campo das Princesas. O secretário ouviu as reivindicações do grupo e as encaminhou ao gabinete de crise, para análise e deliberação.

A Casa Civil ressalta ainda que a reabertura de bares e restaurantes está prevista na sexta etapa do Plano de Convivência com a Covid-19. O planejamento leva em consideração a relevância socioeconômica dos setores econômicos e o comportamento das curvas de contaminação do novo coronavírus no estado".

Academias

Ainda de acordo com a nota, também não há data oficial para reabertura das academias, como tem sido divulgado. O Governo de Pernambuco disse que os novos protocolos de higiene e segurança para garantir o retorno dessas atividades estão sob análise do Comitê Estadual de Enfrentamento ao Coronavírus e serão divulgados após decisão colegiada.


Mais Lidas