Reservatório de água da Compesa transborda e afeta comunidade do Cabo

Foram cerca de 40 famílias que tiverem problemas causados pela água

TRANSBORDAMENTO
Reservatório de água da Compesa transborda e afeta comunidade do Cabo

O transbordamento causou um enorme estrago por onde passou. - Foto: Jailton Júnior/JC IMAGEM

Um reservatório de água da Compesa transbordou e assustou moradores da comunidade Francisco Julião, em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, na madrugada desta terça-feira (25). O transbordamento causou um enorme estrago por onde passou, e cerca de 40 famílias que moram na comunidade foram afetadas.

O morador Marcelo Domingos, que está desempregado, contou que acordou com susto na madrugada. “Foi muito ligeiro, tava dentro de casa a água já. Aí minha esposa gritou para a gente correr. Foi um susto, muita água”, disse.

A água desceu com tanta força, passando pelos barracos, que chegou até as margens da BR-101. O reservatório está em condições precárias, é possível observar vazamentos na estrutura. Segundo os moradores, o acidente registrado na madrugada aconteceu porque alguém teria fechado o registro do reservatório na noite da segunda-feira (24), como relatou o ajudante de pedreiro Alexandre Mendes.

“Chegou um rapaz e mexeu na água, mexeu no medidor, e quando o vigia foi olhar para ver a altura da água que tava, o fio estava cortado. O cano que descia a água que vai pro lado do Recife tava fechado o registro. Ela transbordou, encheu e causou tudo que aconteceu”, explicou.

O medo dos moradores é que o reservatório ceda e desmorone por cima das casas. As famílias que vivem em área de risco avisaram que estão no aguardo de uma unidade habitacional do governo e agora cobram mais agilidade no processo.

Ouça a reportagem de Leonardo Vasconcelos:

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.