“Nordeste é a região campeã de abalos sísmicos no Brasil”, diz geógrafo; vídeos mostram terremoto na Bahia

Lucivânio Jatobá explicou sobre o terremoto que ocorreu no final de semana

ABALO SíSMICO
“Nordeste é a região campeã de abalos sísmicos no Brasil”, diz geógrafo; vídeos mostram terremoto na Bahia

Vídeo mostra produtos caindo das prateleiras de um supermercado devido aos tremores na Bahia. - Foto: Reprodução/Vídeo Redes Sociais

Por Carol Coimbra

Em entrevista ao Passando a Limpo desta segunda-feira (31), o geógrafo e professor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Lucivânio Jatobá explicou sobre os abalos de terra ocorridos no domingo (30) em cidades da Bahia. De acordo com ele, os terremotos geram medo mas não são motivos de pânico geral. O terremoto, ocorrido na cidade de Mutuípe, teve 4,6 de magnitude, de acordo com cálculos do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

“Todo terremoto assusta, desde que ele seja sentido, é algo que apavora porque dá uma sensação de instabilidade. Esse de ontem aconteceu no território baiano, o epicentro parece ter sido no município de Mutuípe. Esse eu acredito que deve ter causado pânico nas pessoas porque há um vídeo circulando que mostra prateleiras dentro de um supermercado, alguns produtos caindo por conta do movimento que essas prateleiras sofreram. Então, não é nada realmente agradável. Mas também não é uma coisa para se apavorar tanto. A magnitude desse episódio não foi extraordinária, mas também não foi pequena, como a de Caruaru, por exemplo. Há registros que esse abalo de Mutuípe atingiu mais de quatro na escala de Ritcher, quer dizer já é uma magnitude razoável”, relatou.

Leia também: Caruaru registra terremoto de baixa magnitude nesta quinta-feira (9)

Por que ocorrem tremores de terra em Pernambuco? Geofísico explica

Caruaru registra mais de 170 tremores de terra em um único dia

O geógrafo também falou sobre os tremores mais potentes que aconteceram no país. Segundo ele, diferentemente do que se perpetua, o Brasil tem incidência de abalos de terra, que ocorrem por falhas geográficas. O Nordeste é a região de maior incidência de tremor no Brasil.

“O de Caruaru e um que aconteceu no Rio Grande do Norte foram os mais potentes tremores até agora. A gente sempre aprendeu que o Brasil estava livre de terremoto e abalos sísmicos, no entanto, o Nordeste é a região que é campeã de abalos sísmicos no Brasil. E Pernambuco é uma área sísmica, a Bahia também. Agora, esse [terremoto] da Bahia foi curioso pela extensão, atingiu muitos municípios, foi uma disposição dessas ondas sísmicas de uma forma linear, atingiu Mutuípe, chegou a ser sentido em Feira de Santana e até do outro lado da Bacia do Recôncavo que é o município de Salvador. Esse chamou atenção, realmente”, explicou.

Vídeos mostram os tremores na Bahia:

Confira a entrevista na íntegra: 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.