Eventos corporativos com até 100 pessoas estão liberados a partir desta segunda-feira (7) em Pernambuco

Eventos culturais e sociais seguem sem data para liberação

PANDEMIA
Eventos corporativos com até 100 pessoas estão liberados a partir desta segunda-feira (7) em Pernambuco

Na última terça-feira (1º), profissionais do setor cobraram uma data para retomada das atividades - Foto: Wellington Lima/ JC Imagem

A partir desta segunda-feira (7), os eventos corporativos com até 100 pessoas estão liberados em Pernambuco. A liberação, no entanto, não é válida para os eventos que já estavam agendados e foram cancelados. Na última terça-feira (1º), os profissionais cobraram uma data do Governo do Estado para retomar as atividades do setor. Com a liberação, apenas eventos feitos por empresas públicas, privadas, organizações sociais ou entidades sem fins lucrativos são permitidos. Eventos culturais e sociais seguem sem data para realização. 

 Segundo a presidente da seccional em Pernambuco da Associação Brasileira de Empresas e Eventos, Tatiana Marques, o prejuízo em todos segmentos de eventos são incalculáveis. Ela afirma que o momento precisa ser de cautela para reconquistar a confiança do cliente. 

"O que vamos tentar agora é criar novos eventos e buscar novas oportunidades e, para isso, teremos que reconquistar a confiança e a tranquilidade dos participantes nos eventos presenciais", explica Tatiana. 

Workshops 

A Associação, em parceria com o Sebrae Pernambuco, realizará Workshops presenciais para ajudar os profissionais do setor a retomarem suas atividades dentro das normas de segurança.

 "Vamos abrir as inscrições para quem quiser participar dos protocolos. Esperando atingir o número de 4 mil profissionais. Faremos os workshops em vários espaços, tanto no Recife quanto no Agreste. Respeitando todos os protocolos", informa a conselheira do Sebrae Luanda Guerra. 

Regras

Para que a retomada seja possível, os espaços só podem receber 30% da capacidade de pessoas. As cadeiras precisam ser afastadas para respeitar o distanciamento social e os eventos não podem ultrapassar o horário de 22h. 

Os eventos contemplados pela medida podem ser realizados por empresas públicas, privadas, organizações sociais ou entidades sem fins lucrativos. Os eventos culturais e sociais, como festas e casamentos, ainda não foram liberados pelo Governo do Estado. 

Protestos

Na última terça-feira (1º), empresários e trabalhadores do setor de eventos cobraram uma data para retorno das atividades no Estado. Os profissionais fizeram um protesto na área central do Recife para cobrar do Governo do Estado um prazo. 

>> Profissionais do setor de eventos cobram data para retomar atividades em Pernambuco

Confira a reportagem de Elis Martins:

 

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.