Governo de Pernambuco poderá dar auxílio a artistas do São João, sugere presidente da Fundarpe

Em função da pandemia, festas juninas também devem ser canceladas. Com cancelamento do Carnaval, artistas do ciclo carnavalesco vão receber auxílio

PANDEMIA DO NOVO CORONAVíRUS
Governo de Pernambuco poderá dar auxílio a artistas do São João, sugere presidente da Fundarpe

Festa de São João - Foto: Divulgação/Jorge Farias/Prefeitura de Caruaru

O presidente da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), Marcelo Canuto, disse que o governo estadual deve construir alguma “política compensatória” para artistas do ciclo junino, caso festejos de São João não ocorram neste ano por causa da pandemia do novo coronavírus. Por enquanto, não há nenhuma confirmação oficial sobre o cancelamento das festas juninas, mas especula-se que, assim como o Carnaval, o São João também deve ser cancelado, devido à baixa cobertura vacinal no país. 

“Acho que vamos ter de construir esse tipo de política compensatória”, disse Canuto na manhã desta sexta-feira (12), em entrevista ao Passando a Limpo, da Rádio Jornal. O presidente da Fundarpe participava de uma entrevista sobre o auxílio que deve ser concedido aos artistas do ciclo carnavalesco, atingidos pelo cancelamento da Folia de Momo nas cidades pernambucanas. 

No caso do auxílio para artistas do carnaval, o governo envia nesta sexta-feira um projeto para a Assembleia Legislativa autorizar o pagamento do auxílio. O projeto prevê que R$ 3 milhões sejam destinados para pagar auxílio de R$ 3 a R$ 15 mil para até 450 grupos artísticos. 

Sobre o possível auxílio no São João, Canuto não deu detalhes sobre valores. 

Confira entrevista na íntegra:

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.